Utentes preferem Hospital de Cascais ao Amadora-Sintra

Utentes preferem Hospital de Cascais ao Amadora-Sintra
A população dos concelhos de Cascais e Sintra põe o Hospital de Cascais no topo das preferências. Segundo conclui um inquérito elaborado pela QMetrics, 54,1% das pessoas consultadas preferem ser ali atendidas, enquanto só 32,4% elegem o Hospital Amadora-Sintra.
 
Este estudo visou conhecer a preferência dos residentes (com 18 anos ou mais) nos concelhos de Cascais (com cerca de 170 mil habitantes) e Sintra (com quase 400 mil habitantes) quanto à utilização dos serviços hospitalares inseridos na rede pública. A gestão do Amadora-Sintra compete ao Estado, enquanto a do Hospital de Cascais é privada.
 
Questionados sobre o funcionamento comparativo destas unidades hospitalares, os utentes que já recorreram a ambas ampliam a vantagem para o Hospital de Cascais, escolhido por 68,4% dos interrogados, contra apenas 11,3% que preferem o Hospital Amadora-Sintra.
 
Melhor atendimento (mencionado em 55,1% das respostas), menor tempo de espera (36,9%) e localização e acessos (23,2%) são as características mais valorizadas pelos utentes de Cascais, percentagens que baixam consideravelmente em relação ao Amadora-Sintra: 30,6% no item melhor atendimento, 11,9% em matéria de localização e 6,7% quanto ao tempo de espera.
 
Numa escala de 1 a 10, o Hospital de Cascais merece 7,6 pontos dos utentes enquanto o Hospital Amadora-Sintra recebe 6,5 pontos, no que respeita à satisfação. A pontuação altera-se quando é atribuída por pessoas que conhecem ambas as unidades hospitalares: a nota de Cascais sobe para 7,9 e a do Amadora-Sintra desce para 5,9.
 
Elaborado entre 26 de Setembro e 12 de Outubro, este inquérito baseou-se em 803 entrevistas telefónicas feitas a pessoas com idade mínima de 18 anos – 401 residentes no concelho de Cascais e 402 com domicílio no concelho de Sintra.