Taça de Portugal apenas com uma equipa amadora

Taça de Portugal apenas com uma equipa amadora
O Amarante, que hoje derrotou o Marítimo, por 1-0, é o último representante do terceiro escalão nacional de futebol, o Campeonato de Portugal, após se concluir a quarta eliminatória da prova.
   
A Madeira também assistiu à eliminação do União da Madeira pelo Desportivo das Aves, nas grandes penalidades (5-4, após 3-3) e só não teve uma tarde para esquecer, porque o outro 'grande' insular, o Nacional, goleou por 5-0 o Cova da Piedade.
 
Quando a prova avança para os oitavos de final, a I Liga já domina amplamente, com 10 clubes apurados, contra cinco da II Liga e apenas um, o Amarante, do Campeonato de Portugal.
 
Depois do campeão em título, o Sporting, ter derrotado o Benfica, por 2-1, no jogo 'grande' do fim de semana, hoje foi a vez do finalista derrotado, o Sporting de Braga, 'carimbar o passaporte', com uma vitória tangencial de 1-0 em Faro.
 
Só no prolongamento, o Farense, da II Liga, caiu, através de uma grande penalidade concretizada por Filipe Augusto, aos 94 minutos.
 
Depois do Belenenses na sexta-feira (3-2 ante o Portimonense), só o União da Madeira perdeu com uma equipa do segundo escalão, cedendo na Vila das Aves por 5-4 nas grandes penalidades, após 3-3 no tempo de jogo e prolongamento.
 
De resto, tirando as exceções de Marítimo, União e Belenenses, a lei do mais forte fez-se sentir nos restantes estádios, com maior o menor intensidade.
 
A fechar a ronda, esta noite deu-se o outro embate entre equipas da I Liga, em Paços de Ferreira, com o Rio Ave a surpreender os pacenses por 2-1.
 
Marcelo, aos 23, e Héldon, aos 35, fizeram com que os vila-condenses fossem para intervalo a ganhar por 2-0. A reação do Paços, na segunda parte, foi insuficiente, já que só festejaram o golo de Hélder Lopes, aos 64.
 
Da I Liga, avançam para os 'oitavos' Académica, Arouca, FC Porto, Sporting, Nacional, Boavista, Estoril-Praia, Vitória de Setúbal, Sporting de Braga e Rio Ave.
 
Portimonense, Feirense, Gil Vicente, Penafiel e Desportivo das Aves são os clubes que sobram da II Liga e o Amarente é o último representante do Campeonato de Portugal