Sintra: Quatro detidos a furtar combustível

Sintra: Quatro detidos a furtar combustível

A PSP deteve quatro homens no espaço de duas horas e meia por furto de combustível em Sintra, um tipo de crime de que as autoridades policiais têm registos crescentes no concelho, disse à Lusa fonte policial.
De acordo com o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, os quatro suspeitos, com idades entre os 17 e os 48 anos, foram detidos no domingo.
A primeira detenção ocorreu às 01:30, quando a PSP detetou que um homem se encontrava dentro de uma propriedade, em Queluz, a retirar combustível de um gerador.
As autoridades policiais apreenderam quatro recipientes de 20 litros, uma mangueira utilizada para fazer a recolha de combustível e uma viatura que constava para apreensão.
Às 04:00, em São Marcos, foram detidos três jovens com idades entre os 17 e os 20 anos que se encontravam a extrair combustível de uma viatura ligeira.
Os detidos – dos quais apenas o de 48 anos não está referenciado pela PSP - foram notificados para comparecerem no Tribunal da Comarca de Sintra para efeitos de julgamento em processo sumário.
Segundo fonte policial, o furto de combustível é, a par do furto de metais, um dos crimes mais detetados pela Divisão de Sintra da PSP.
"É muito comum este tipo de crimes, especialmente em zonas onde há armazéns e estaleiros de obras, porque são locais onde há veículos pesados e geradores, que comportam muitos litros de combustível", disse.
Queluz, Belas e São Marcos são as três freguesias do concelho de Sintra onde a PSP tem detetado mais casos destes, adiantou a fonte.