Sintra garante bolsas sociais em creches privadas

Sintra garante bolsas sociais em creches privadas
A Câmara de Sintra vai atribuir 168 bolsas sociais a famílias menos favorecidas do concelho para integrar crianças, entre os três meses e os três anos, em creches privadas.
 
Num comunicado enviado hoje, o presidente da Câmara de Sintra, Basílio Horta, indica que serão investidos 162 mil euros no programa "Bolsas Sociais nas Creches" para o ano letivo 2016/2017.
 
O autarca refere que em Sintra "existem cerca de 3.795 vagas em creches, das quais 1.351 na rede solidária e 2.444 no setor privado, sendo que apenas 1091 se encontram abrangidas por acordos de cooperação com a Segurança Social".
 
A bolsa prevê um apoio de 50% para o primeiro escalão do abono de família, 40% para o segundo e 30% para o terceiro escalão.
 
"Assumimos o combate à pobreza e à exclusão social como prioridades deste mandato", sublinha Basílio Horta.
 
As entidades da rede solidária e do setor privado podem aderir ao programa, mas é dada preferência às vagas disponibilizadas pelas entidades aderentes da rede solidária.
 
Os munícipes que pretendam candidatar-se à bolsa deverão entregar um formulário, disponibilizado no 'site' da Câmara Municipal e nas Lojas/Espaços do Cidadão do concelho.