Sintra celebra protocolos para promover adopção e prevenir abandono de animais

Sintra celebra protocolos para promover adopção e prevenir abandono de animais

A Câmara Municipal de Sintra assinou esta quarta-feira protocolos com as associações Animallife, com o Núcleo de Canicultura da Knine Service e com a Sociedade Portuguesa para a Educação Humanitária. Os protocolos visam a colaboração destas associações na promoção do bem-estar animal e têm como objetivo prevenir o abandono de animais de companhia.

O presidente da Câmara Municipal, Basílio Horta, elogiou o acordo com as três associações, considerando que este é um dia “muito importante” para  a autarquia.

“Um município que não sabe tratar bem dos seus animais é um município que não sabe tratar bem as pessoas. A humanidade demonstra-se com vários atos. E este é um deles. Este é um trabalho que honra a nossa Câmara”, disse.

O vereador  com a área do Gabinete Médico-Veterinário, Luís Patrício, sublinhou a importância desta colaboração com as associações num município onde, em 2013, foram recolhidos cerca de 2500 animais abandonados, número que tem aumentado a uma média de 15% a 20% por ano.

O protocolo com a Animalife visa apoiar famílias carenciadas proprietárias de animais, relativamente a bens de primeira necessidade e cuidados médico-veterinários destinados aos referidos animais, com especial incidência nos cães e gatos.

As famílias carenciadas diagnosticadas pela autarquia que tenham a seu cuidado animais de estimação terão apoio em alimentação, desparasitantes, medicamentos, vacinações, esterilizações ou outros cuidados.

O protocolo com o Núcleo de Canicultura da Knine Service tem como objetivo promover a adoção de animais recolhidos no Centro Oficial de Recolha Animal do Município de Sintra, através da implementação de técnicas e estratégias que potenciam o sucesso dessas adoções.

Esta parceria traduz-se na avaliação prévia dos perfis dos cães a adotar e do potencial dono, na avaliação de eventuais problemas comportamentais do animal e no aconselhamento relativo às rotinas diárias a implementar e regras de relacionamento dono/cão, complementadas com a eventual realização de exercícios com os técnicos formadores e aulas ao domicílio.

O protocolo com a Sociedade Portuguesa para a Educação humanitária visa  a implementação do programa “Roots and Shoots” nos Agrupamentos de Escolas do Concelho de Sintra.

Este programa tem por finalidade a realização de iniciativas para a promoção da melhoria das condições dos animais do Município de Sintra, bem como para a sensibilização de crianças e jovens para a realidade dos problemas associados ao bem-estar animal.