Sete autocarros destruídos pelo fogo em Montelavar

Sete autocarros destruídos pelo fogo em Montelavar

Sete autocarros da empresa de transportes Mafrense e um da Junta de Montelavar, no concelho de Sintra, foram destruídos por um incêndio hoje de madrugada, disse à agência Lusa o comandante dos bombeiros locais.

Segundo Mário Louro, o alerta foi dado por volta das 02:30 e quando os bombeiros chegaram ao local onde a empresa guarda as viaturas, já estavam todas a arder.

"Estamos a falar de sete autocarros encostados uns ao outros. Quando chegámos estavam os depósitos e os pneus a rebentar e quem não soubesse que era um incêndio pensava que era um tiroteio. Foi um susto para a população", contou o comandante dos bombeiros.

Os bombeiros conseguiram evitar que as chamas incendiassem as instalações de uma empresa situada junto a este local, que se encontra vedado.

Contactada pela agência Lusa, a presidente da Junta de Freguesia de Montelavar mostrou-se "desolada" por a junta ter perdido o seu único autocarro.

"Estamos muito angustiados. Parece-me fogo posto e os seguros não cobrem vandalismo. Portanto, temos aqui um problema, pois com este autocarro servíamos a comunidade escolar, a igreja, os idosos, ou seja, todas as nossas actividades", disse Lina Andrês.

A presidente da Junta fala num "cenário dantesco", que assustou a população.

"Acordei com o barulho de explosões. Pareciam tiros de caçadeira. Liguei imediatamente à GNR, que me disse imediatamente o que estava a acontecer. Parecia um cenário de guerra", adiantou.

A Polícia Judiciária está no local a investigar as causas do incêndio.