Retomadas buscas por terra e mar no Meco para encontrar jovens

Retomadas buscas por terra e mar no Meco para encontrar jovens

As buscas para encontrar os jovens, desaparecidos há uma semana na praia do Meco, foram retomadas por via terrestre e marítima, adiantou à agência Lusa o comandante do Porto de Setúbal, Lopes da Costa.

"Durante o dia, serão mantidas as buscas terrestres ao longo da praia e, ao longo da costa mais a sul, estarão empenhados os meios marítimos, a corveta Jacinto Cândido e a lancha de fiscalização Águia, da Marinha", disse.

Contudo, o comandante Lopes da Costa sublinhou que as buscas vão passar a ser integradas nas missões normais da Autoridade Marítima, que vai manter a vigilância e patrulhamento da costa com o objetivo de encontrar os jovens desaparecidos.

"Estamos no nono dia após o acidente e, desta forma, encontramo-nos na 3ª fase da operação de busca. Tivemos uma fase logo a seguir ao acidente e que decorreu nas primeiras horas e primeiros dias na expetativa de ainda encontrarmos sobreviventes, seguiu-se uma segunda fase em que foram mantidas buscas intensas e, neste momento, vamos entrar na 3ª fase, a de integração nas missões normais da autoridade marítima", explicou.

Sobre o corpo de uma mulher encontrado domingo de manhã a cerca de 1200 metros em frente à praia da Pipa, a 3,5 quilómetros a sul da praia do Meco, o comandante Lopes da Costa disse que o corpo foi entregue no Gabinete Médico Legal do hospital de S. Bernardo, em Setúbal.

"Confirmo que foi encontrado o corpo de uma das jovens a oeste da praia da Pipa, isto porque o vestuário que tinha está associado ao desaparecimento recente dos estudantes da Lusófona", contou.

O comandante acrescentou ainda que a identificação do corpo irá decorrer a partir de hoje no Gabinete Médico Legal do hospital de S. Bernardo.

Os cinco jovens (quatro raparigas e um rapaz) desaparecidos a 15 de dezembro integravam um grupo de sete alunos da Universidade Lusófona que tinha alugado casa em Alfarim para passar um fim de semana naquela zona do concelho de Sesimbra e que foram arrastados por uma onda, na praia do Meco.

Um dos jovens conseguiu sair da água por meios próprios e alertar as autoridades para a tragédia que ocorreu cerca da 01:00 da madrugada de domingo passado, enquanto outro foi encontrado morto na manhã do mesmo dia.

A comprovar-se que o corpo agora encontrado pelas autoridades será de um dos jovens desaparecidos no passado fim de semana, são agora quatro os desaparecidos