Restauro dos órgãos de Mafra entre os distinguidos com o Prémio Europa Nostra

Restauro dos órgãos de Mafra entre os distinguidos com o Prémio Europa Nostra

O restauro dos órgãos da basílica do convento de Mafra é um dos vencedores do Prémio União Europeia de Património Cultural, anunciados hoje pela Comissão Europeia, no âmbito do concurso Europa Nostra.

No dia 01 de junho, no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa, serão entregues os prémios nas quatro áreas distinguidas pela organização não-governamental Europa Nostra e divulgados os seis Grandes Vencedores.

Além do projeto de restauro dos seis órgãos da basílica do convento de Mafra, orientado pelo mestre organeiro Dinarte Machado, está ainda entre os vencedores na área de Conservação o complexo da Sinagoga Portuguesa em Amesterdão.

Nesta categoria, a Grécia e a Espanha arrecadam três prémios cada, o Reino Unido dois, e com apenas um, além de Portugal e Holanda, estão projetos da Alemanha, Bélgica, Itália, Lituânia, Roménia e Turquia.

Os 28 vencedores foram selecionados entre as 226 candidaturas apresentadas por 31 países.

A Europa Nostra distinguiu também três projetos na área de Investigação: o “Protocolo Inovador para a Conservação das Pinturas em Tela”, apresentado pela França, um estudo sobre o Código Botânico do Altar da Paz de Augusto, em Roma, e o estudo do Restauro do Palácio Nolla, em Meliana, na comunidade espanhola de Valência.

A entrega dos prémios decorre no âmbito do Congresso anual do Património Europeu da Europa Nostra. Na cerimónia estarão presentes o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, o Presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso e o presidente da Europa Nostra Plácido Domingo.