Primeiro festival da Marmelada Branca decorre entre sexta e domingo em Odivelas

Primeiro festival da Marmelada Branca decorre entre sexta e domingo em Odivelas
Gastronomia, música, teatro e visitas guiadas ao Mosteiro de São Dinis são algumas das atrações previstas na primeira edição do Festival da Marmelada Branca de Odivelas, que decorre entre sexta-feira e domingo.
 
De acordo com alguns historiadores, a marmelada branca é um doce conventual exclusivo de Odivelas, tendo sido inicialmente confecionada no Mosteiro das Bernardas. Em dias festivos a marmelada era oferecida aos convidados sob a forma de pequenos quadrados.
 
O Festival da Marmelada Branca é organizado pela Câmara de Odivelas, mas conta com o apoio de vários restaurantes do concelho.
 
Em declarações à agência Lusa, a presidente da Câmara Municipal de Odivelas, Susana Amador (PS), manifestou-se muito satisfeita com a realização deste evento e perspetivou uma "grande adesão".
 
"Temos as expetativas muito elevadas”, referiu.
 
A autarca explicou que a realização de um festival da marmelada branca "sempre foi um dos objetivos" da autarquia, uma vez que será importante para a projeção turística do concelho de Odivelas.
 
"É importante para que as pessoas saibam que Odivelas é um concelho com um imenso património histórico e gastronómico", apontou.
 
Gambas com marmelada branca, fatias de vitela com arroz decoradas com marmelada branca e mousse de marmelada branca são alguns dos pratos que irão estar presentes no festival.
 
Além de espaços gastronómicos, o evento contempla atuações musicais, peças de teatro e visitas ao Mosteiro de São Dinis e São Bernardo, local onde se acredita estarem depositados os restos mortais do rei D. Dinis.