Primeira fase da requalificação da Ribeira das Naus concluída em Março

Primeira fase da requalificação da Ribeira das Naus concluída em Março
A Câmara de Lisboa espera concluir as obras de requalificação da frente ribeirinha da Avenida da Ribeira das Naus, a primeira fase da intervenção naquela via, até meados de março, disse hoje à Lusa fonte municipal.
A primeira fase da requalificação da Avenida da Ribeira das Naus prevê o avanço da margem sobre o rio e a criação de um novo espaço verde e de uma pequena praia naquela zona ribeirinha da cidade.
A segunda fase, que a autarquia prevê concluir no verão, incide já sobre a requalificação do parque de estacionamento das instalações centrais da Marinha que se situam naquela avenida.
A mesma fonte indicou que as obras "estão a decorrer dentro dos prazos" previstos.
"No local onde hoje está instalado o gradeamento das instalações da Marinha Portuguesa será possível passear no jardim, ver a doca Seca (agora enterrada), onde eram recuperadas as Naus das Descobertas, e reencontrar o antigo Cais da Caldeirinha e as estruturas do Palácio Corte Real e será recriada uma praia existente antes do terramoto, com uma escadaria até à água", resume uma nota publicada no ‘website’ oficial da autarquia.
As obras de requalificação daquela zona incluem um prolongamento da margem, um ajustamento das faixas de rodagem da avenida, um parque de estacionamento de superfície com três andares e capacidade para 300 carros junto ao Largo do Corpo Santo (que foi entretanto chumbado pela Assembleia Municipal).
Esta obra representa um investimento total de 10 milhões de euros, dos quais 6,5 milhões provêm do Quadro Comunitário de Apoio e o restante de capital da autarquia.