PCTP/MRPP concorre com Carlos Quaresma da Costa à Câmara da Amadora

PCTP/MRPP concorre com Carlos Quaresma da Costa à Câmara da Amadora
O PCTP/MRPP apresenta nas eleições autárquicas Carlos Quaresma da Costa como candidato para a Câmara da Amadora, concorrendo ainda com listas para a assembleia municipal e às freguesias da Encosta do Sol e Mina de Água.
 
Além da candidatura de Carlos Quaresma da Costa, de 56 anos, enfermeiro, como cabeça de lista para a câmara, a lista para a assembleia municipal é liderada por Carlos Alexandre Costa, de 31 anos.
 
Segundo o candidato à câmara, o programa do PCTP/MRPP aposta, na área educativa, no reforço da rede de creches e pré-escolar, para evitar que os habitantes tenham de recorrer a estabelecimentos fora do concelho.
 
A promoção de uma "creche 365/24", que terá como objetivo proporcionar uma resposta para os pais que trabalham por turnos e não têm recursos ou com quem deixar os filhos, assim como servir de alternativa ao encerramento em agosto da maioria das instituições existentes, é uma das suas propostas.
 
Outra é a criação do "cheque Educação", destinado a famílias de menores rendimentos, pretende promover, em parceria com instituições, o apoio aos alunos nas áreas em que apresentarem maiores dificuldades de aprendizagem.
 
No setor da mobilidade e transportes, o candidato apontou a necessidade de "aumentar o número de carreiras e frequência" dos transportes coletivos, para melhorar a qualidade do serviço prestado aos utentes e, caso os operadores privados não participem neste objetivo, a autarquia deve criar uma empresa municipal de transportes.
 
Quaresma da Costa defendeu ainda que uma "racionalização do estacionamento" deve passar pelo aumento de lugares disponíveis, mas também pela dimensão adequada de cada espaço de parqueamento, e mostrou-se contra a possibilidade de o parque de estacionamento do Hospital Fernando da Fonseca (Amadora-Sintra) passar a ser pago.
 
Em termos ambientais, o candidato do PCTP/MRPP defendeu a aposta da autarquia em veículos elétricos e na reconversão da iluminação pública para a tecnologia LED.
 
A redução do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e o apoio à reabilitação urbana estão entre as propostas para a área da habitação, onde também deve ser dada especial atenção à erradicação dos bairros de barracas, frisou.
 
Nas eleições autárquicas de 01 de outubro, além do PCTP/MRPP, foram anunciadas as candidaturas da atual presidente da autarquia, Carla Tavares (PS), do vereador Carlos Silva (PSD/CDS-PP), de Amável Alves (CDU), Deolinda Martin (BE), Mário de Carvalho (‘Nós, Cidadãos') e Patrícia Caeiro (PAN).