Paços de Ferreira e Estoril regressam à Mata Real nesta terça-feira

Paços de Ferreira e Estoril regressam à Mata Real nesta terça-feira
O jogo entre Paços de Ferreira e Estoril-Praia, que fechava a 17.ª jornada da I Liga de futebol, foi interrompido aos 76 minutos (0-0), devido ao nevoeiro, e será retomado na terça-feira. 
Os minutos finais do encontro e respetivos descontos vão ser jogados a partir das 17:00 de terça-feira na Mata Real, confirmou no final, o diretor desportivo do Paços de Ferreira, Carlos Carneiro, numa declaração na sela de imprensa.
 Quando o encontro foi interrompido, aos 76 minutos, Paços de Ferreira e Estoril-Praia empatavam sem golos, num jogo vivo, mas sem grandes oportunidades de golo.
O guarda-redes Vagner, do Estoril, destacou-se no primeiro tempo, ao efetuar três boas intervenções, duas delas a remates de Josué e Tony e a terceira numa saída aos pés de Hurtado, isolado por Caetano (05, 14 e 22 minutos).
Mas seria o Estoril a dispor do melhor lance da segunda parte, aos 62 minutos, após um desvio, de cabeça, na área pacense, que o guarda-redes brasileiro Cássio defendeu para canto.
Depois veio a interrupção ao minuto 76, motivada pelo nevoeiro, e uma espera de 30 minutos conforme ditam os regulamentos, após a qual o árbitro Bruno Paixão concluiu que não estavam reunidas as condições necessárias para retomar o jogo.
O Paços de Ferreira tentava hoje subir ao terceiro lugar da I Liga portuguesa de futebol, aproveitando o empate do Sporting de Braga, no domingo, em Aveiro (3-3 frente ao Beira-Mar), mas, para isso, precisava de vencer um Estoril, oitavo, com 19 pontos, que procurava ascender ao sexto lugar, atualmente na posse do Vitória de Guimarães, com 21.