Orçamento Participativo de Cascais mais votado de sempre com quase 60 mil votos

Orçamento Participativo de Cascais mais votado de sempre com quase 60 mil votos
A quinta edição do Orçamento Participativo (OP) de Cascais, cuja votação terminou no domingo, conseguiu quase 60 mil votos nos 40 projetos finalistas, tendo sido o mais participado de sempre, informou hoje a autarquia.
 
Os números conseguidos na primeira semana, na qual se registaram 20.000 votos, já faziam antever este resultado.
 
A decorrer desde o dia 19 de outubro, a votação para o Orçamento Participativo de Cascais 2015 terminou no domingo e, no total, contou com 55.919 votos, mais de metade do total de votos obtidos no conjunto das quatro edições anteriores (104.821).
 
"Nesta quinta edição, o balanço não podia ser melhor: Cascais bate todos os recordes de participação cívica confirmando ser o OP mais votado a nível nacional e o segundo na Europa", refere a Câmara de Cascais em comunicado.
 
Para o presidente da autarquia, Carlos Carreiras, o resultado é "um orgulho".
 
"Não só por termos a vontade de melhorar constantemente o processo do OP, mas sobretudo por, em cinco anos, termos crescido sempre de mãos dadas com os cidadãos", afirma.
 
As regras impuseram, este ano, um novo sistema de votação mais rigoroso, que converge para o princípio de um munícipe - um voto.
 
"Mesmo assim, a votação cresceu 36,4% em relação a 2014, quando o OP Cascais já tinha sido o mais votado em Portugal e um dos mais votados na Europa", refere Carlos Carreiras.
 
De acordo com a autarquia, na Europa, só o Orçamento Participativo de Paris, que tem cerca de 2,3 milhões eleitores potenciais, registou mais participação - 66.867 votos -, superando os votos obtidos no OP Cascais, concelho com 206.479 habitantes (censos 2011).
 
Reabilitação urbana, equipamentos culturais, lúdicos e desportivos, melhores escolas e mais espaços verdes são a maioria dos pedidos feitos pelos munícipes de Cascais.
 
A sessão de apresentação dos projetos vencedores está agendada para o dia 28 de novembro.
 
À semelhança das edições anteriores, a autarquia irá disponibilizar uma verba total de 1,5 milhões de euros.
 
Desde 2011, o Orçamento Participativo de Cascais já permitiu concretizar 26 obras em diferentes áreas, estando cinco em curso e 13 em projeto.