Nuno Cristóvão deixa equipa feminina do 1.º Dezembro

Nuno Cristóvão deixa equipa feminina do 1.º Dezembro

Nuno Cristóvão deixou ontem o comando técnico da equipa de futebol feminino do União 1.º Dezembro, aparentemente por falta de condições para repetir as épocas cem por cento ganhadoras que protagonizou. “Esta é a altura certa”, explicou o técnico, de 53 anos, citado pelo Record, acrescentando que a falta de condições para o crescimento do futebol feminino em Portugal também pesou na sua decisão. “Nenhuma equipa portuguesa consegue competir de igual para igual na Liga dos Campeões e eu não conseguia dar mais”.

O técnico, responsável pela conquista de três campeonatos nacionais e de outras tantas taças de Portugal, deixou ainda uma mensagem de despedida, divulgada através do Facebook:

“Tudo na vida tem um princípio e um fim. Hoje terminou a minha ligação ao 1º Dezembro. Foram 3 anos e 3 meses em que as jogadoras foram fantásticas na contribuição para a obtenção dos sucessos desportivos a que nos propusemos. Fica a mágoa de não termos alcançado o que queríamos na Europa.

Na hora da despedida não posso deixar de agradecer a todos/as os/as treinadores/as que me auxiliaram, bem como aos seccionistas, massagista, directora/es e técnicas de equipamentos que me ajudaram no Clube.

A vida continua. Como alguém disse um dia 'encontrar-nos-emos por aí'. Eu acrescento 'em qualquer campo de futebol'. Até sempre!”.