Novos smart chegam para ser reis na cidade

Novos smart chegam para ser reis na cidade
Chegam carregados de novidades. Os novos smart de dois (fortwo) e quatro lugares (forfour) estão diferentes e revelam agora argumentos de qualidade até aqui impensáveis em carros desta gama.
O mais pequeno dos modelos do universo Daimler mantém o seu ADN e as características que o tornam quase num ícone: duas cores e um conjunto de mais de 40 combinações possíveis, célula de segurança, motor traseiro e apenas 2,69 metros de comprimento. Porém, é nas dimensões que aparecem as primeiras diferenças face às gerações anteriores. O novo smart fortwo é 10 cm mais largo e 2 cm mais baixo do que o antecessor, com ganhos notáveis no espaço para condutor e passageiro e, sobretudo, na estabilidade. Aqui, a introdução de uma suspensão frontal de arquitectura McPherson, totalmente redesenhada e baseada na que equipava o anterior Mercedes Classe C, origina melhorias consideráveis em termos de conforto e de comportamento dinâmico.
Como se não bastasse, a introdução de direcção assistida (direct-steer) e de um sistema de segurança para vento transversal (wind assist), também importado da Mercedes, como equipamentos de série, para além da ajuda ao arranque em subidas, contribuem em muito para a melhoria qualitativa do pequeno citadino.
Ainda ao nível da direcção, importa dizer que o smart consegue rodar sobre si próprio em apenas 6.95 metros (8,65m no forfour), o que poderá significar recorde absoluto em termos de mobilidade citadina.
Para o lançamento desta nova geração, a smart contou com uma parceria com a Renault, resultando daí o regresso da versão forfour, praticamente gémea do novo Twingo, embora com detalhes capazes de fazer alguma diferença.
Nesta fase de lançamento, os novos smart vão estar disponíveis com motor tricilíndrico de 999 cc e 71 cv, caixa manual de cinco velocidades (outra novidade). A nova caixa  automática de dupla embraiagem de seis velocidades chega apenas em Março.
 
Para os dois modelos estão disponíveis três níveis de equipamento – passion, prime e proxy – mas a versão base (desde 10.950 €) já está dotada, entre outros itens, com luzes diurnas LED, fecho centralizado com comando, cruise control, visor LCD monocromático, computador de bordo e vidros eléctricos.
 
Paulo Parracho
 

Novos smart fortwo e forfour