Nova fábrica pode criar centenas de postos de trabalho no Barreiro

Nova fábrica pode criar centenas de postos de trabalho no Barreiro
O presidente da Câmara do Barreiro, Carlos Humberto, afirmou hoje que o concelho deverá receber uma nova fábrica, que deve começar a ser construída até ao final do ano, e que vai criar algumas centenas de postos de trabalho.
"O processo continua a decorrer e todas as indicações que temos é de que vai ser concretizado. O contrato promessa entre o proprietário do terreno e quem vai construir a fábrica está feito e tem havido contactos regulares com a câmara", disse à agência Lusa Carlos Humberto, eleito pelo PCP.
O autarca referiu que a nova fábrica vai-se localizar na freguesia de Palhais e que deve começar a ser construída até ao final do ano, de modo a arrancar em 2014.
"Por altura do verão devem entrar na câmara todos os processos de licenciamento para o início da obra, que se prevê que possa começar no fim deste ano. Em 2014, a empresa começará a funcionar com cerca 80 a 100 trabalhadores e a ideia que há é que, em dois anos, possa subir para umas centenas o número de trabalhadores", referiu.
O autarca referiu que a fábrica pode vir a empregar cerca de 400 pessoas, mas que, apesar de o processo estar a correr bem, na atual situação, é preciso ter cuidado.
"Na atual conjuntura económica ninguém pode afirmar com certezas absolutas. A perspetiva é boa, mas ainda não podemos dizer que está resolvido", sublinhou.
Carlos Humberto, disse que a firma em causa, cujo nome não quis revelar, intervém em várias áreas, mas fundamentalmente, nas da logística e da alimentação, sendo "uma grande empresa portuguesa com milhares de postos de trabalho no país".