Moscatel de Setúbal eleito como o melhor vinho do ano

Moscatel de Setúbal eleito como o melhor vinho do ano
O José Maria da Fonseca Moscatel Superior 2011 venceu o prémio para o melhor vinho de 2014 atribuído pela revista WINE-Essência do Vinho, que distinguiu também Lisboa com o título "Destino Gastronómico" do ano.
 
Os prémios fazem parte de uma lista de 12, seis relacionados com vinhos e outros tantos com gastronomia, e serão entregues ao longo desta noite, no Porto.
O vinho vencedor recebeu 19, 5 pontos, num máximo possível de 20, do painel de provas próprio da revista, custa quase 800 euros e foi lançado em 2014 pela José Maria da Fonseca, uma conhecida empresa produtora sediada em Setúbal, para comemorar os 180 anos da sua fundação.
 
Os vinhos da casta moscatel daquela casa são "seguramente o Santo Graal de todos os apaixonados pelo vinho", considera a WINE-Essência do Vinho.
Lisboa sucede ao Porto como "Destino Gastronómico do ano". Explica a mesma publicação que a capital portuguesa "tem uma oferta eclética que permite percecionar um pouco do que o país pode oferecer em termos gastronómicos, do mais tradicional ao mais contemporâneo".
 
A presidente da Comissão Vitivinícola Regional Alentejana, Dora Simões, e o empresário Carlos Ferreira, são a "Personalidade do Ano " nos vinhos e na gastronomia, respetivamente.
Dora Simões foi eleita porque "tem cumprido com brilhantismo o papel de facilitadora e simplificadora dos processos de certificação sem nunca se deixar cair na cultura do facilitismo", tendo-se destacado ainda por conseguir "promover a região de forma exemplar".
Carlos Ferreira é um empresário radicado no Canadá, onde possui vários estabelecimentos e "assume o orgulho de ser português promovendo não só a gastronomia e os vinhos nacionais, mas o país como um todo".
Nos vinhos, os outros premiados são a Quinta das Bágeiras/Bairrada, de Mário Sérgio Alves ("Produtor do Ano"), Vadio/Bairrada, de Luís Patrão ("Produtor Revelação do Ano"), Luís Duarte/Alentejo ("Enólogo do Ano") e António Lopes ("Escanção do ano").
Os restantes premiados pela WINE na área gastronómica são José Avillez ("Chefe de Cozinha do Ano"), Pedro Lemos, do Porto ("Restaurante Gastronómico do Ano"),
 
Vinum at Graham's, de Gaia ("Restaurante com Melhor Serviço de Vinhos") e Ciro Lilla ("Personalidade do Ano no Brasil".
José Avillez, do restaurante Belcanto, em Lisboa, tornou-se o primeiro chefe de cozinha português a conquistar as duas estrelas Michelin, ao passo que Redro Lemos recebeu a primeira estrela Michelin para o restaurante com o seu nome.
Ciro Lilla é um conhecido empresário e importador brasileiro de vinhos e, para a WINE, "um verdadeiro amigo de Portugal e dos vinhos portugueses".