Morreu a bebé prematura nascida no Dubai

Morreu a bebé prematura nascida no Dubai

Margarida, a bebé portuguesa que nasceu prematura no Dubai e cujos pais fizeram um pedido público para pagar o seu internamento, morreu na manhã de domingo, dia 16 de Novembro.

"Não há forma para dizer... Não há forma de explicar... A nossa Gui decidiu partir...Obrigado a todos, pelas orações e apoio!", escreveram os pais da bebé que nasceu com apenas 25 semanas no Dubai. Margarida faleceu na sequência de uma falência de órgãos.

"Às 11h00 de Dubai e 7h00 de Portugal, a nossa guerreira deixou-nos. Teremos um anjo no céu a olhar pela Família G. Obrigado a todos pelo vosso apoio incondicional", finalizou a mãe da pequena Gui, ilustrando com uma foto a sua partida.

Recorde-se que a mãe da bebé, que nasceu no Dubai com apenas 25 semanas e 410 gramas, já havia escrito na sua página no Facebook que o estado de saúde da filha se tinha agravado.

Eugénia e Gonçalo Queiroz, os pais da menina que são emigrantes no Dubai, não tinham um seguro de saúde e apelaram para que os ajudassem a pagar as avultadas despesas de hospital. Em Portugal, gerou-se uma onda de solidariedade para ajudar o casal. A página no Facebook  - "Vamos ajudar a Genny e a Gui", conseguiu ajudar a angariar mais de cem mil euros. Até Cristiano Ronaldo pediu às pessoas para colaborarem no pagamento de despesas da bebé.