Misericórdia de Almada lança debate sobre estado social em contexto de crise

Misericórdia de Almada lança debate sobre estado social em contexto de crise

Repensar o papel do estado e dos agentes locais na criação, ou manutenção, de redes sociais que garantam suporte à população é o tema em debate no seminário organizado pela Santa Casa da Misericórdia de Almada, no próximo dia 29 de maio, no Fórum Municipal Romeu Correia, no centro da cidade.

Segundo a organização, é necessário repensar o “Estado Social, Desafios e Papel dos Agentes Locais em Contexto de Crise”, como sistema de base da sociedade, “numa altura particularmente difícil da história recente do nosso país, tendo em conta a assistência financeira internacional e política austera”.

Marcado para as 9h30, no auditório Fernando Lopes Graça, a sessão de abertura será feita por Joaquim Barbosa, Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Almada, e por Ana Braga da Cruz, da direcção da EARN Portugal (Rede Europeia Anti-Pobreza), que apoia este evento, e por um representante da União das Misericórdias Portuguesas        

O primeiro painel de debate, moderado por Joaquina Madeira, irá centrar-se no tema que dá nome ao seminário, e terá início às 10:30. Contará com as intervenções de Manuel Carvalho da Silva, Docente na Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, Coordenador do Observatório Sobre Crise e Alternativas e investigador no Centro de Estudos Sociais, de José António Fonseca Vieira da Silva, deputado, presidente da Comissão Eventual para Acompanhamento das Medidas do Programa de Assistência Financeira a Portugal e ainda de José Manuel Henriques, professor auxiliar convidado no ISCTE-IUL, Director do Mestrado em Economia Social e Solidária ISCTE-IUL.

Durante a tarde o recomeço do debate está marcado para as 14 horas, com intervenções sobre “A importância da reflexão e partilha de práticas interinstitucionais em momento de novos desafios e inovação”. O tema será moderado por Fátima Goulão e apresentado por Sandra Araújo, directora Executiva EAPN Portugal. No terceiro painel estão previstas a apresentação de duas experiências locais, uma da Câmara de Setúbal sobre a requalificação dos Bairros Sociais e outra da Câmara da Amadora referente à dinamização de redes sociais locais.   

A entrada é gratuita, sujeita a inscrição através do e-mail scma.lglr@gmail.com ou pelos telefones 210 113 920 / 212 946 940.