Mercado da Vila recria a corte e comércio do século XIX

Mercado da Vila recria a corte e comércio do século XIX
Durante três dias, de 27 a 29 de maio o Mercado da Vila, em Cascais, será palco para a recriação de profissões e figuras do século XIX. Lavadeiras, ardinas, amoladores, engraxadores, alcoviteiras, barbeiros e padeiros farão os visitantes viajar no tempo e ter contacto com a realidade do comércio de outrora.
 
Este mercado temático levará os visitantes a revisitar a singularidade dos mercados do século XIX e, mais concretamente, o Mercado do Ferro que se realizava antigamente em Cascais. Naquela época, vindos de várias freguesias e concelhos vizinhos, os agricultores e artesãos iam até à Vila vender os seus produtos caseiros como pão, fruta, hortaliças, enchidos, azeite, vinho, mel, entre outros.
 
Hoje, o Mercado da Vila mantém este hábito todas as quartas-feiras e sábados de manhã, com o tradicional Mercado Saloio, mas no último fim-de-semana deste mês o espírito do século XIX vai regressar a Cascais, com a recriação de momentos e ambientes deste contexto protagonizados pelos atuais feirantes do Mercado, vestidos a rigor e prontos a falar, mostrar e, claro, vender. Haverá ainda uma exposição de carros da época – automóveis e de tração animal –, animais como burros, ovelhas, galinhas e patos e o ambiente das tabernas será vivido numa zona de gastronomia instalada exclusivamente para o evento. 
 
Para reproduzir o século XIX, não poderia faltar neste Mercado, como o próprio nome indica, a Corte. O Rei D. Carlos e a Rainha D. Amélia estarão “presentes”, acompanhados pelos amigos Conde de Sabrosa e Duquesa de Palmela.
 
Ao longo do fim de semana, o Mercado da Corte irá ainda privilegiar alguns momentos de animação como a noite de Ranchos, a noite de Fados e os teatros de Robertos – estes imperdíveis para os mais pequenos, que poderão num amplo espaço conhecer uma realidade distante, mas culturalmente rica. A entrada no Mercado é gratuita nos três dias.
 
Haverá ainda espaço para vendas, animação e gastronomia tradicionais que farão com que a História se torne presente.
 
Como é habitual, a CP associa-se ao Mercado da Vila durante este fim-de-semana e será possível os visitantes fazerem a viagem de ida e volta ao Mercado da Corte de comboio pelas linhas de Cascais, Sintra/Azambuja e Sado pelo preço de 2€.
 
Programa do Mercado da Corte
Sexta-feira, 27 de maio
Tarde Concertinas e acordeão
20h30 Rancho Folclórico
 
Sábado, 28 de maio
Manhã  Concertinas e acordeão
11h00  Teatro de Robertos
Tarde Concertinas e acordeão
 
21h00  Fados no Mercado com João Casanova, Filipa Vieira, António Costa Pereira, Cristina Vieira e Quim Cigano; Paulo Jorge na Guitarra Portuguesa; António Amorim na Viola de Fado
 
Domingo, 29 de maio
11h00 Teatro de Robertos
Tarde Concertinas e acordeão
17h00 Rancho Senhora das Neves, Manique