Marcelo visita instituição em Algés e recebe carta a pedir mais apoio para crianças deficientes

Marcelo visita instituição em Algés e recebe carta a pedir mais apoio para crianças deficientes
O Presidente da República esteve este sábado numa instituição de apoio a crianças com paralisia cerebral, em Algés, recebendo uma carta de uma das crianças em que esta pede maior apoio do Estado, missiva que garantiu vir a entregar ao primeiro-ministro.
 
“Vai ter seguimento, logo na próxima audiência com o primeiro-ministro, dia 8 ou dia 9, entregarei a carta da Francisca. É um problema muito importante de muita gente em Portugal, o problema dos cuidadores familiares, de quem no fundo larga as profissões (...) e estão 24 horas por dia dedicados a uma tarefa”, declarou Marcelo Rebelo de Sousa.
 
O chefe de Estado falava aos jornalistas no final de uma visita à associação Casa do Tejo - Direito ao Lazer, ligada à Associação de Paralisia Cerebral de Lisboa (APCL), onde conheceu algumas famílias com crianças deficientes.
 
Uma das famílias tinha trigémeos e Francisca, uma das filhas, entregou uma carta a Marcelo Rebelo de Sousa explicando a situação familiar, com o Presidente a lembrar posteriormente que em causa estão “crianças que exigem atenção permanente, constante e exaustiva” num problema que “não é de um ou dois portugueses, é de milhares, pais e crianças”.