Hyundai vai regressar ao Mundial de Ralis

Hyundai vai regressar ao Mundial de Ralis

A Hyundai vai regressar ao World Rally Championship (mais conhecido como WRC) e acaba de apresentar uma versão para ralis baseada no novo i20 no Salão Automóvel de Paris. O WRC é uma das provas mais difíceis do desporto automóvel a nível mundial, tendo este modelo sido projectado para superar os terrenos e as condições climatéricas extremas que os concorrentes têm muitas vezes de enfrentar. Após a sua retirada da competição automóvel em 2003, a meta de longo prazo da Hyundai foi a de criar uma equipa própria de WRC na Europa e o desenvolvimento de um automóvel de ralis competitivo, culminando com a sua apresentação no Salão Automóvel de Paris. Mark Hall, Director de Marketing da Hyundai Motor Europe, comentou " o campeonato do mundo dos ralis é reconhecido como uma das provas mais competitivas e exigentes do mundo. É um espectáculo cheio de emoção e dinamismo - a perfeita identidade da marca Hyundai." " O WRC também oferece um grande desafio tecnológico para um construtor automóvel. A nossa participação vai demonstrar a excelência e a fiabilidade da engenharia Hyundai e ao mesmo tempo ajudar no desenvolvimento e na construção de futuros veículos."

A história da Hyundai nos Ralis O envolvimento da Hyundai no desporto automóvel tevê início em 1998 quando competiu na classe F2 do WRC por duas temporadas. Em 1999, a equipa anunciou que se apresentaria na classe superior em 2000, com um automóvel baseado no Accent de três portas, totalmente desenvolvido para o WRC e que competiu até 2003.

O WRC é regulado e controlado pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA), o órgão regulador para o automobilismo mundial.

Os actuais automóveis de ralis são baseados nos modelos de 1.6 litros de produção em série, apresentando melhorias extremas na aerodinâmica, sistemas 4x4, turbocompressores, caixas de velocidades sequenciais e outros equipamentos de alta tecnologia.