Hospital Garcia de Orta celebra 23º aniversário

Hospital Garcia de Orta celebra 23º aniversário

No passado dia 16 de dezembro assinalou-se o 23º aniversário do Hospital Garcia de Orta.

Como forma de celebrar a data e de, em simultâneo, assinalar a quadra natalícia, tiveram lugar no HGO um conjunto de iniciativas, de entre as quais se destacam: a intervenção do Dr. Manuel Delgado, Diretor-geral do IASIST sobre “O caminho da eficiência”, reveladora dos dados sobre a classificação do HGO no ranking dos melhores hospitais do país, sendo uma dos nomeados para o TOP5 dos Hospitais; a palestra do Dr. Daniel Ferro, Presidente do Conselho de Administração do HGO, sobre o “Presente e Futuro” do Hospital, destacando um conjunto de marcos para a história da instituição, e onde foi apresentado o vídeo institucional, que pode ser visionado em http://youtu.be/ht-vHKWYtsQ; e a palestra do Dr. Cunha Ribeiro, Presidente da ARS Lisboa e Vale do Tejo, sobre “A rede de cuidados de saúde na Península de Setúbal”.

Nesta sessão, que decorreu na Sala de Conferências do Centro Garcia de Orta, no piso 2, do HGO, foi ainda apresentado o Conselho Consultivo do HGO, presidido pelo Prof. Doutor Fernando Santana, Diretor da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa.

Precedendo o habitual almoço-convívio no refeitório, houve ainda lugar para um momento musical proporcionado pela Academia de Música de Almada.

Posteriormente, na capela do HGO, situada no piso 2, o Sr. Bispo de Setúbal celebrou uma Eucaristia, juntamente com o Sr. Padre Jorge, momentos antes do batismo da capela do Hospital com o nome do papa S. João XXII.

De seguida, foi aentregue o 1º Prémio de Investigação Clínica Garcia de Orta do HGO a dois trabalhos: “Serum trace elements in dysphagic patients that underwent endoscopic gastrostomy for long term enteral feeding” da autoria de Carla Adriana Santos e Jorge Fonseca; e “Inter-hemispheric interactions across basal ganglia and cerebellar circuits during motor control: different functional patterns for master and slave hemispheres” da autoria de Ana Cristina Vidal; Paula Banca; Augusto Gil Pascoal; João Sargento-Freitas; Gustavo Cordeiro e Miguel Castelo-Branco. Cada trabalho vencedor recebeu o prémio de 2.500 euros. A entrega de prémios terminou com um breve apontamento sobre o Prémio, pelo Prof. Doutor António Rendas, Reitor da Universidade Nova de Lisboa.