Hernâni Carvalho é candidato do PSD/CDS-PP à Assembleia Municipal de Sintra

Hernâni Carvalho é candidato do PSD/CDS-PP à Assembleia Municipal de Sintra

O jornalista Hernâni Carvalho, especialista na área da segurança e criminalidade, é o cabeça de lista do PSD/CDS-PP à Assembleia Municipal de Sintra, disse à Lusa o candidato da coligação à Câmara Municipal, Pedro Pinto.
"O Hernâni Carvalho é um amigo de longa data, autarca experiente e vocacionado para a área da segurança. A segurança é a minha prioridade e interessava-me ter alguém que soubesse talvez até mais que eu sobre essa matéria, para que consigamos resolver esse problema gravíssimo que existe em Sintra", disse aos jornalistas o candidato da coligação, Pedro Pinto.
O também vice-presidente do PSD falava com os jornalistas no final da entrega das listas da coligação no tribunal de Sintra, numa iniciativa que contou com as presenças de Hernâni Carvalho e do mandatário da candidatura, o músico Luís Represas.
De acordo com o candidato da coligação PSD/CDS-PP/MPT à Assembleia Municipal nas eleições autárquicas de 29 de setembro, Hernâni Carvalho, o concelho de Sintra tem atualmente "metade dos polícias por quilómetro quadrado que qualquer dos concelhos envolventes", bem como um número bastante superior de crimes registados.
"A solução passa por aumentar, por exemplo, o número de alvarás a guardas-noturnos. Sabemos que não compete ao presidente de Câmara colocar mais polícias no terreno, isso compete ao Governo, mas pode dar mais alvarás. O primeiro agente de segurança, com mais proximidade, é o guarda-noturno", afirmou.
Hernâni Carvalho, que concorre como independente pela coligação, adiantou que desta forma haverá um aumento do número de empregos nesta área e haverá mais segurança nos locais.
"A própria Câmara tem que se transformar em cliente do guarda-noturno, nos parques urbanos, nas escolas, no património municipal", disse o jornalista, também vereador independente da Câmara de Odivelas, eleito em 2009 pela coligação "Em Odivelas Primeiro as Pessoas" (PSD/CDS-PP/PPM/MPT).
Segundo Pedro Pinto, além da segurança, a criação de emprego e o turismo são outras das apostas mais importantes da sua candidatura.
"Não há turismo sem segurança e não há desenvolvimento sem segurança. Toda a gente sabe quantos postos de trabalho são criados quando abre um hotel. E quando falo na criação de uma Feira Popular, sei quantas centenas de pessoas vão lá trabalhar", afirmou.
Na corrida à Câmara de Sintra, além de Pedro Pinto, são já conhecidas as candidaturas de Pedro Ventura (CDU), Basílio Horta (PS), Luís Fazenda (BE), Barbosa de Oliveira (independente), Nuno da Câmara Pereira (PND), Marco Almeida (independente) e Nuno Azevedo (PAN).
A Câmara de Sintra é presidida por Fernando Seara, eleito pela coligação Mais Sintra (PSD/CDS-PP) nas eleições de 2009. O atual executivo municipal é composto por seis elementos da coligação PSD/CDS-PP, quatro do PS e um da CDU.