Geminação de Sintra com Fontainebleau quer reforçar cultura e economia

Geminação de Sintra com Fontainebleau quer reforçar cultura e economia
Os presidentes da Câmara de Sintra e da ‘commune’ de Fontainebleau assinam, na terça-feira, na cidade francesa, o acordo de geminação entre os dois municípios, com o objetivo de reforçar os "laços históricos, culturais e económicos".
 
Segundo o acordo, as duas localidades "possuem em comum uma história rica, marcada pelos monarcas que aí viveram, assim como um património excecional, composto pelo palácio, no caso de Sintra, e pelo castelo, no caso de Fontainebleau".
 
Os dois municípios, no âmbito de "políticas que promovem a cultura e a preservação do património cultural", comprometem-se a promover o diálogo e troca de experiências para a modernização dos serviços, "nos domínios cultural, social, económico e tecnológico", lê-se no documento a subscrever por Basílio Horta e Frederic Valletoux.
 
Fontainebleau promove, até domingo, uma "semana de Sintra", com atividades alusivas à vila portuguesa, incluindo conferências, exposições e um espetáculo com a fadista Carminho.