Flores sagradas no Museu do Oriente contam a história das grandes religiões

Flores sagradas no Museu do Oriente contam a história das grandes religiões
Cor, aroma, beleza e… significado. É através das flores que vamos contar a história de grandes religiões do mundo, na oficina para crianças “Flores Sagradas” que o Museu do Oriente organiza no sábado, 23 de Abril.
 
Destinada a crianças e jovens dos 6 aos 12 anos, esta actividade vai levar os participantes a percorrer as exposições do Museu à procura de flores: as rosas e lírios associados aos santos nas representações cristãs, a flor de Lótus onde Buda surge sentado, as maravilhas de que se rodeava o deus hindu Ganesh, entre outras.
 
Em tecidos, esculturas e pinturas, vamos descobrir estas e outras flores, aprender o seu significado na cultura de cada território e conhecer algumas das principais religiões do mundo, de Oriente a Ocidente, sensibilizando para a importância da tolerância, do diálogo e da diversidade.
 
“Flores Sagradas” integra o programa Sábados em Oficina que propõe uma abordagem lúdico-pedagógica às colecções do Museu do Oriente, à luz de temas da História, Arte, Geografia ou Literatura. Todas as actividades integram uma vertente prática e criativa que estimula a assimilação e a partilha dos conhecimentos.
 
A actividade repete no dia 21 de Maio.
 
Oficina Flores Sagradas
Sábados em Oficina
23 de Abril ou 21 de Maio
 
Horário: 15.00-17.00
Público-alvo: crianças dos 6 aos 12 anos
Preço: €5,00/participante
 
Participantes: mín. 10, máx. 12