Festival do Caracol de Loures arranca na sexta-feira

Festival do Caracol de Loures arranca na sexta-feira

A Câmara de Loures perspetiva que o Festival do Caracol Saloio, que começa na sexta-feira, atraía ao município mais de 70 mil pessoas, número registado na última edição desse evento gastronómico.
A 14.ª edição do Caracol Saloio, um evento promovido pela autarquia, decorre entre sexta-feira e 28 de julho junto ao Pavilhão Paz e Amizade e conta com a participação de 10 tasquinhas.
Em declarações à agência Lusa, Paulo Ganhão, responsável pela área do Turismo na Câmara de Loures, referiu que apesar da crise espera-se que haja um aumento do número de participantes.
“Além da entrada ser gratuita, existem preços para todas as bolsas e uma grande variedade de pratos disponíveis”, apontou.
Favada de caracoletas, rissóis de Caracol, macedónia de caracoleta com maionese, caldeirada de caracoletas, empada de caracoleta, caracoleta de escabeche, caracoleta de caril, caracoleta à sevilhana, pão de caracol ou bacalhau com caracóis, são alguns dos pratos à base de gastrópode que podem ser degustados no festival.
Em 2012, o Festival do Caracol Saloio teve 70 mil visitantes que consumiram 15,6 toneladas de caracóis e 32 mil litros de bebidas.
Uma das novidades em relação ao festival é o facto de o município ter procedido ao registo da marca “Loures Capital do Caracol”, o que, segundo Paulo Ganhão, pretende dar mais notoriedade ao evento e ao concelho.
“Foi com esse intuito que procedemos ao registo da marca. Pensamos que é importante distinguir Loures como uma marca própria junto dos mercados e das ofertas deste tipo de evento gastronómico”, sustentou.
 Paralelamente ao festival irá estar patente uma mostra de artesanato tradicional e urbano que conta com a participação de 50 expositores.