Festival de Sintra faz homenagem ao romantismo, até 11 de Julho

Festival de Sintra faz homenagem ao romantismo, até 11 de Julho

A 49.ª edição do Festival de Sintra, dedicada à “universalidade” do Romantismo, começa dia 20 de junho, sexta-feira, às 21h00, no Centro Cultural Olga Cadaval, com um concerto de homenagem ao compositor José Vianna da Motta, pela Orquestra Sinfónica Portuguesa.

Até 11 de julho, importantes músicos internacionais e nacionais levam a música clássica aos parques, palácios e quintas históricas de Sintra, numa clara homenagem ao romantismo desta vila na Região de Lisboa.

O programa, além de homenagear Vianna da Motta (1868-1948), realiza-se sob o signo do Romantismo russo, focado em Rachmaninov, e integra a música romântica brasileira, numa parceria com o Festival de Petrópolis, cidade geminada com a vila sintrense.

Uma estreia absoluta será a apresentação da peça "O Roberto Diabo de Meyerbeer op.42", no Recital de Piano a 6 mãos, no Hotel Quinta da Penha Longa (29 de junho), pelos pianistas Joana David, Nuno Lopes e João Paulo Santos.

"Noite em São Petersburgo", no Palácio Nacional de Queluz, encerra o festival, com o reputado barítono Sergei Leiferkus, presença assídua nos principais palcos mundiais, ao lado da soprano Elisabete Matos e do pianista Artur Pizarro.

A 21 de junho, decorre um recital de piano de Teresa Palma Pereira no Palácio Nacional de Queluz, pelas 21h00. A Quinta da Piedade recebe pelas 16h00 de 22 de junho o Cello Status, Quarteto de Violoncelos.

O cenário natural dos jardins da Quinta da Regaleira é o palco do teatro de rua “Pedro e Inês” que a companhia bYfurcação teatro apresenta às sextas e sábados, às 22h00. A paixão entre Pedro e Inês é uma das histórias de amor mais dramáticas da nossa história. Amor com fim trágico, comove ainda hoje pela paixão dolorosa que os uniu e pela força do ódio e do conflito de interesses que os dividiu. Em cena até 27 de setembro.

Na penumbra da noite e à luz trémula das velas encena-se, no dia 21 de junho, no Museu Arqueológico de São Miguel de Odrinhas, duas visitas noturnas guiadas por figuras do passado, que levam os visitantes por uma viagem à época romana. Duas sessões noturnas: 21h00 e 22h00.

 

A 49ª edição do Festival de Sintra resulta de uma parceria entre a câmara local, o Teatro Nacional São Carlos e Opart - Organismo de Produção Artística.

O programa do Festival de Sintra está disponível em www.festivaldesintra.pt.

 

Preço dos Bilhetes:

Centro Cultural Olga Cadaval: 1º plateia: 15 euros | 2º plateia: 12 euros

Restantes concertos: 10 euros