Festival Cool Jazz muda-se de Oeiras para Cascais

Festival Cool Jazz muda-se de Oeiras para Cascais

 

 

 

 

O festival de música EDP CoolJazz, marcado para julho, transitará este ano do concelho de Oeiras para o de Cascais, concentrando-se os concertos no Hipódromo, foi hoje anunciado.

Para a 15.ª edição, a organização tinha já anunciado os concertos de David Byrne, a 11 de julho, e Van Morrison, no dia 28, ambos no Parque dos Poetas, e de Gregory Porter, no dia 20, no Jardim Marquês de Pombal, sendo que todos eles são agora transferidos para o Hipódromo de Cascais.

O festival aconteceu pela primeira vez em 2004, repartido por palcos nos concelhos de Mafra, Sintra, Oeiras e Cascais, onde agora se fixa para a edição de 2018.

Na primeira edição estiveram os músicos Buddy Guy, Ravi Coltrane, Roy Ayers, Barbara Hendricks, Camané, Jacinta, Ed Motta e Adriana Calcanhotto. Desde então já acolheu mais de 130 concertos e 300 mil espectadores.

Segundo o vice-presidente da Câmara de Cascais, Miguel Pinto Luz (PSD), o “bom filho à casa torna” e o festival CoolJazz volta ao concelho onde nasceu há 15 anos.

“Fechámos um acordo de quatro anos, mas queremos que seja um casamento muito, muito mais longo”, afirmou o autarca.

Karla Campos, da organização do EDP CoolJazz, explicou que “o festival foi pensado para Cascais há 15 anos”, e mostrou-se satisfeita por “voltar a casa” e poder ficar “em Cascais por muitos e bons anos”.

O regresso do EDP CoolJazz foi um dos diversos eventos anunciados pela autarquia num encontro com jornalistas, instalado num espaço do novo ‘campus’ da Nova SBE (School of Business & Economics), que será inaugurada em setembro, em Carcavelos.