Félix da Costa nos pontos na última da época na Fórmula E

 Félix da Costa nos pontos na última da época na Fórmula E
António Félix da Costa voltou a efectuar uma excelente corrida em Moscovo, local da 9.ª corrida da FIA Fórmula E. 
 
Depois de um problema com o acelerador do seu monolugar na qualificação, que fez com que AFC não fosse além do 14º lugar da grelha, o piloto de 23 anos recuperou até ao 8º lugar final.
 
Se nos treinos livres António Félix da Costa já tinha mostrado que era um dos pilotos a ter em conta na luta pela pole position, com o 4º melhoir tempo absoluto, a verdade é que na sessão de qualificação um problema com o acelerador não facilitou a vida ao piloto luso, que se queixava que "sempre que estava com o acelerador a fundo, a bateria do meu carro desligava-se. Foi desapontante porque perdi todas as hipóteses de lutar por um pódio, visto que a pista aqui em Moscovo é estreita e difícil de ultrapassar". Apesar desse contratempo, Félix da Costa iniciou a corrida ao ataque, largando do 14º lugar para rapidamente se colocar em 11º atrás do veterano Jarno Trulli, que acabou por ser o principal obstáculo do piloto luso, com o Italiano a utilizar toda a sua experiência para aguentar o jovem luso, que viria a perder segundos valiosos na sua recuperação. Após a paragem para mudança de carro o piloto da Amlin Aguri conseguiu finalmente suplantar Trulli, conseguindo ainda na última volta passar Nicolas Prost, para terminar mais uma vez dentro dos lugares pontuáveis, num positivo 8º posto. Nelson Piquet Jnr. venceu a corrida de hoje na Rússia, seguido de Lucas di Grassi e de Sebastien Buemi.
 
Apesar da excelente recuperação Félix da Costa não deixava de mostrar alguma decepção nesta sua última corrida da época na Fórmula E: "foi mais uma corrida de trás para a frente e apenas o Trulli me fez perder muito tempo, caso contrário mais à frente teria terminado. De qualquer forma estou dececionado porque tínhamos carro na qualificação para lutar pelos lugares da frente e ai as coisas teriam sido diferentes", finalizou o piloto Português, que termina a sua temporada 2014 / 2015 na FIA Fórmula E com 49 pontos dos 58 pontos da sua equipa Amlin Aguri, tendo obtido uma saborosa vitória na corrida da Argentina. A FIA Fórmula E viaja agora para a última corrida em Londres, mas Félix da Costa não estará presente por compromissos com a BMW no DTM, onde corre em Norisring no mesmo fim-de-semana de 27 e 28 de Junho.