Exposição de graffiti sobre rodas procura apoios de particulares e empresas

Exposição de graffiti sobre rodas procura apoios de particulares e empresas
Um jovem lisboeta está à procura de apoios, de empresas ou particulares, para realizar uma exposição de graffiti sobre rodas, transformando carrinhas, por fora e por dentro, em galerias de arte móveis, que irão percorrer vários locais.
 
A primeira paragem do projeto idealizado por Miguel Martins, que assina como Edis One, o Van Street Art, será no Parque das Nações, a 14 e 15 de maio, disse o jovem à agência Lusa.
O local já está reservado pela Câmara de Lisboa, parceira da iniciativa, e os seis artistas envolvidos também já estão escolhidos, mas faltam apoios financeiros. Para os conseguir, Miguel Martins começou um processo de angariação de verbas pela Internet (‘crowdfunding) e contactou várias empresas, das quais está a aguardar respostas.
 
“A ideia é revolucionar o conceito de galeria tradicional, de rua, para uma galeria moderna, dentro de uma carrinha”, contou.
 
Cada um dos artistas envolvidos “terá uma carrinha: pinta o exterior e faz exposição no interior”.
 
Após os dois primeiros dias no Parque das Nações, a ideia é “fazer um ‘road show’ e parar em vários sítios de Lisboa, incluindo escolas”.
 
Dos seis artistas que irão participar no projeto, Miguel Martins adianta o nome de três: Pariz One, Mr Dheo e Smile, respetivamente de Lisboa, Porto e Odivelas, mas com trabalhos espalhados pelo mundo fora.
 
Os interessados em ajudar o projeto encontram mais informações em https://www.indiegogo.com/projects/van-street-art#/.