Exposição sobre identidade do design em Lisboa

Exposição sobre identidade do design em Lisboa
A identidade do design português está em foco na exposição que é hoje inaugurada, no Museu do Design e da Moda (MUDE), em Lisboa, e na sexta-feira, na Casa da Cultura de Paredes, com 150 peças de 76 autores.
 
A mostra intitula-se "Como se pronuncia design em português?", de acordo com o MUDE, que inaugura a exposição hoje, às 19:00, um dia antes de Paredes. A mostra realiza-se no âmbito do Projeto Art on Chairs 2014, em resultado da parceria entre a Câmara Municipal de Lisboa e a Câmara Municipal de Paredes.
 
Entre outras, poderão ser vistas peças assinadas por Carmo Valente, António Sena da Silva, António Garcia, Carlos Galamba, Pedro Silva Dias, Filipe Alarcão, Francisco Rocha.
 
Por outro lado, a representação de artistas e arquitetos, como José Pedro Croft, Pedro Calapez, Manuel Graça Dias, Margarida Grácio Nunes e Fernando Sanchez Salvador, traduz as ligações que sempre existiram entre o design e as artes, a arquitetura e a joalharia.
 
No MUDE, em Lisboa, a exposição vai estar patente até 31 de maio e, na Casa da Cultura - Aldeia Agrícola, em Paredes, de 30 de janeiro a 17 de maio, com curadoria de Bárbara Coutinho, diretora do museu.
 
Em foco, segundo o MUDE, está o design de equipamento desenhado e produzido por autores nacionais durante os últimos 60 anos, com maior incidência para o período compreendido entre 1980 e 2014.