Estoril Sol avança com despedimento colectivo de 38 funcionários

Estoril Sol avança com despedimento colectivo de 38 funcionários

A Estoril Sol avançou com um processo de despedimento colectivo de 38 funcionários, que terá um custo na ordem de 1,8 milhões de euros, informou hoje a empresa num comunicado enviado à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários.

A Estoril Sol, que gere os casinos do Estoril e da Póvoa de Varzim, revelou que já deu conta desta intenção à comissão de trabalhadores, bem como ao Ministério da Economia e do Emprego.

Os 38 contratos de trabalho abrangidos estão ligados à área alimentar, ao jogo e à direcção geral de operações.

"Estima-se um custo associado a este processo de um milhão e oitocentos mil euros, que irá gerar uma economia anual de cerca de oitocentos e oitenta mil euros", anunciou a empresa.