Espetáculo inspirado na obra de José Saramago abre mostra de teatro para público jovem

Espetáculo inspirado na obra de José Saramago abre mostra de teatro para público jovem
"A maior flor do mundo e outras histórias segundo José", espetáculo inspirado na obra do Prémio Nobel da Literatura José Saramago, abre sábado a iniciativa Sementes - Mostra Internacional de Artes para o Pequeno Público, do Teatro Extremo de Almada.
 
Trata-se de uma produção do Teatro Art'Imagem, do Porto, que será levada à cena no sábado à tarde, pelas 16:00, no Fórum Romeu Correia, em Almada, integrado no festival que decorre de 23 de maio a 07 de junho, em sete municípios do sul do País.
 
No ano em que celebra o 20.º aniversário do Sementes, o Teatro Extremo, além dos espetáculos em Almada, leva também o teatro para os mais pequenos ao Barreiro, Castro Verde, Moita, Montemor-o-Novo, Seixal e Sesimbra, com a colaboração de diversas companhias de teatro nacionais e estrangeiras.
 
Trukitrek Puppet Company, um grupo de teatro gestual e marionetas da Catalunha (Espanha), Companhia La Tal, de Barcelona (Espanha), Teatro Paraíso, de Bilbau (Espanha), Théâtre de la Guimbarde, de Charleroi (Bélgica), são algumas das companhias de teatro estrangeiras que participam na mostra internacional organizada pelo Teatro Extremo de Almada.
 
A nível nacional, o festival conta, entre outras, com as participações das companhias Fio d'Azeite, Grupo de Marionetas do Chão de Oliva e Valdevinos Teatro de Marionetas, ambas de Sintra, do Teatro das Beiras, da Covilhã, Teatro Art'Imagem e MU - Associação Cultural, da cidade do Porto.
 
Segundo Rui Cerdeira, diretor do Teatro Extremo, o orçamento para a 20.ª edição da mostra Sementes é de cem mil euros, valor que a companhia poderá ter de suportar sem a ajuda financeira da Secretaria de Estado da Cultura, que ainda não deu a conhecer os apoios para o teatro.
 
"Normalmente costumávamos ter o apoio da Direção Geral das Artes, mas ainda não obtivemos sequer resposta ao concurso, cujos resultados deveriam ter sido conhecidos no passado mês de março", disse Rui Cerdeira.