Dia Mundial da Hepatite com sensibilização no Amadora-Sintra

Dia Mundial da Hepatite com sensibilização no Amadora-Sintra

Estima-se que existam cerca de 500 milhões de pessoas infectadas com hepatite B ou C em todo mundo, sendo as mesmas causadoras de elevada mortalidade.

Todos os anos, a hepatite e as suas complicações matam cerca de 1 milhão de pessoas. A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que uma em cada 12 pessoas vive com hepatite C ou B e, apesar da sua prevalência ser superior à prevalência da infecção por HIV ou de qualquer tipo de cancro, ainda existe uma grande percentagem de pessoas sem diagnóstico e não existindo uma consciencialização da gravidade e impacto da doença. Por este motivo, a OMS definiu oficialmente o dia 28 de Julho como Dia Mundial da Hepatite. Com esta acção, a OMS pretende reforçar acções de prevenção e controle, alertar para a vacinação e criar uma plataforma de coordenação global da doença.

A celebração do dia mundial pretende ser uma chamada de atenção à população para o impacto global da hepatite e uma forma de informar sobre factores de risco, estratégias de prevenção e tratamento. Com esta campanha, a longo prazo, pretende-se diminuir a incidência e prevalência da infecção e melhorar a qualidade de vida das pessoas infectadas.

Este ano, a consulta externa de especialidades médicas do Hospital Fernando da Fonseca (Amadora-Sintra) propõe-se a aderir à iniciativa. “Trabalhando diariamente com pessoas com hepatites virais, temos consciência da importância do esclarecimento da população acerca da doença. Existem ainda muitos mitos e preconceitos sobre a doença hepática e também muitas fontes de informação pouco fidedignas. Como profissionais de saúde, temos a oportunidade e o dever de desmistificar alguns desses pensamentos, prevenindo, alertando e promovendo comportamentos de saúde”, refere fonte daquela unidade hospitalar.

Apesar de o dia 28 de Julho ser o dia mundial, no dia 27, de forma a acompanhar o horário da consulta externa, será realizada uma acção de sensibilização no átrio do hospital, destinada a todos os utentes, visitantes ou funcionários do Amadora-Sintra.