Deputados do PSD eleitos por Setúbal querem decisão defitiniva sobre terminal de contentores

Deputados do PSD eleitos por Setúbal querem decisão defitiniva sobre terminal de contentores

Os deputados do PSD eleitos por Setúbal questionaram hoje o Governo sobre a possível instalação de um terminal de contentores no Barreiro, exigindo uma decisão "célere e definitiva" sobre o assunto.

"Depois de ter sido dado como certo, no ano passado, que a Trafaria [concelho de Almada] iria receber esta infraestrutura, vem agora o secretário de Estado colocar de fora esta localização, surgindo o Barreiro como local provável para a instalação desta infraestrutura", refere o deputado Bruno Vitorino, numa informação enviada à Lusa.

Os sociais-democratas "veem com bons olhos" a possibilidade de o Barreiro receber toda e qualquer atividade portuária que possa potenciar o desenvolvimento daquele território”, mas exigem uma decisão "célere e definitiva, assente em estudos técnicos credíveis".

"O que não pode acontecer é este ziguezague constante ou uma não decisão, que se arraste no tempo e ponha em causa o trabalho que está a ser feito no âmbito do Arco Ribeirinho Sul", acrescentam.

Os deputados do PSD sublinham que o Barreiro, juntamente com os concelhos de Almada e Seixal, faz parte do projeto Arco Ribeirinho Sul (destinado à requalificação da antiga zona industrial), "o qual deve ser enquadrado na nova realidade económica e financeira do país e ser recolocado no centro da estratégia de desenvolvimento da região e de reindustrialização do país".

Os sociais-democratas querem saber se está efetivamente a ser feito um estudo sobre a possibilidade do concelho do Barreiro receber um novo terminal de contentores ‘deep-sea’ e se está acautelada a viabilidade do projeto, bem como quais os prazos de conclusão dos mesmos.

"Queremos também saber qual o modelo de financiamento que assegura a viabilidade económico-financeira do projeto e ver garantido que, a concretizar-se o investimento, esta seja uma oportunidade para resolver as questões relacionadas com o passivo ambiental", concluiu Bruno Vitorino.

O secretário de Estado das Infraestruturas, Transportes e Comunicações, Sérgio Monteiro, admitiu em março que o Barreiro pode ser uma boa localização para um futuro porto de águas profundas: “O Barreiro é uma possibilidade. É uma localização que tem algumas potencialidades, nomeadamente o facto de ter uma ligação ferroviária já feita e de ter vontade política”, afirmou, referindo-se à recetividade demonstrada pela câmara.

Em 2013, o Governo tinha anunciado a construção de um terminal na Trafaria no âmbito da reestruturação do Porto de Lisboa, que abrange também a margem sul do Tejo, uma medida que gerou críticas da oposição e do município.