Arrancam obras de consolidação da arriba na Praia da Poça

Arrancam obras de consolidação da arriba na Praia da Poça
Arranca dia 3 de setembro a obra de consolidação da arriba na Praia da Poça, em S. João do Estoril. Com uma duração prevista de 15 dias, os trabalhos obrigam à ocupação total do troço do passeio marítimo entre as praias da Poça e da Azarujinha. Por questões de segurança, toda a frente de obra será vedada e assinalada. Está contudo garantido espaço para circulação de pessoas.
 
Esta intervenção destina-se a reforçar a proteção do litoral do concelho e surge no âmbito do Programa Operacional Temático de Valorização do Território 2007-2013, a que a Câmara Municipal de Cascais se candidatou em parceria com a APA - Agência Portuguesa de Ambiente e que se irá traduzir num investimento global de cerca de 600.000 euros financiados pelo Fundo de Coesão da União Europeia. 
 
Esta é a quarta intervenção deste programa na frente litoral de Cascais tendo já sido realizadas obras integradas nas competências municipais de prevenção dos riscos costeiros na crista da arriba da praia da Bafureira (Parede), Rainha (Cascais) e Carcavelos, destinadas a mitigar o risco de queda de blocos e salvaguardar a segurança dos utilizadores destas praias urbanas e com uso bastante intensivo.
 
Fenómeno natural provocado pela erosão, a desagregação de blocos rochosos nas arribas e consequente queda sobre o areal, constitui uma situação de risco para os utentes das praias.
 
Contrariar os efeitos deste fenómeno e garantir as condições de segurança exigíveis à circulação e permanência de pessoas nas áreas de risco, é o objetivo destas intervenções dinamizadas na sequência de inspeções efetuadas em parceria com a Agência Portuguesa do Ambiente I.P., e a Autoridade Marítima através da Capitania do Porto de Cascais que contemplam:
 
 - Saneamento das arribas - queda provocada dos blocos instáveis. Neste caso é possível garantir um perímetro de segurança, mas também controlar o momento da queda e, caso seja necessário, proceder de imediato à retirada dos blocos. Foi o caso da crista da arriba na praia da Bafureira e em Carcavelos.
 
 - Contenção das arribas – a esta medida está normalmente associada a colocação de redes, como é o caso da Praia da Rainha, podendo implicar também o revestimento da arriba, ou o preenchimento das zonas reentrantes e cavernas existentes na base da arriba com betão e a pregagens dos blocos de maiores dimensões.