Concerto de abertura do ciclo 'Noites de Queluz - Tempestade e Galanterie'

 Concerto de abertura do ciclo 'Noites de Queluz - Tempestade e Galanterie'
Tem lugar a 3 de outubro o primeiro concerto do ciclo “Noites de Queluz – Tempestade e Galanterie”, intitulado “Boccherini e Mozart em Paris”, com um concerto de Massimo Spadano e Luca Guglielmi, às 21h30, na Sala da Música.
 
Apresentado pela Parques de Sintra e pelo Divino Sospiro - Centro de Estudos Musicais Setecentistas de Portugal (DS-CEMSP), “Noites de Queluz – Tempestade e Galanterie” decorre até 31 de outubro e é composto por oito concertos. Segundo o diretor artístico, Massimo Mazzeo, este ciclo e música barroca que dá especial destaque às obras de Luigi Boccherini, é para “todos os que acreditam nos valores da Cultura e que procuram o seu bem-estar através dela”. “Noites de Queluz – Tempestade e Galanterie” trará “música intemporal e intérpretes extraordinários que se conjugam com a beleza e majestade da arquitetura, primorosamente restaurada, numa experiência que preencherá as nossas almas”.
 
Neste concerto, o violino barroco de Massimo Spadano junta-se ao pianoforte Clementi do Palácio Nacional de Queluz, que será tocado por Luca Guglielmi. Serão tocadas quatro sonatas do op. 5 de Luigi Boccherini (coleção datada de 1768) assim como as sonatas KV 301 e KV 304 de W. A. Mozart (ambas de 1778), com Paris da época galante como pano de fundo.
 
Massimo Spaldano e Luca Guglielmi
 
Massimo Spadano, enquanto concertino e solista, atuou em diversas formações nas salas mais importantes da Europa, Estados Unidos, América do Sul, Ásia, África e Médio Oriente. Dedica uma grande parte da sua atividade à música antiga, com instrumentos originais, e à sua investigação, participando na edição de numerosos volumes de música barroca com a Camerata Anxanum, orquestra italiana da qual é membro fundador. Gravou discos com várias editoras discográficas, incluindo a Deutsche Grammophon, Sony, Opus 111, Bongiovanni e Auvidis Astrée, tendo recebido desta última um dos mais destacados reconhecimentos discográficos, o “Choc Musique”, pela sua gravação das sonatas de Reickard.
 
Luca Guglielmi está presente a nível internacional desde 1993, em vários setores da Arte Musical e alternando os concertos a solo em todo o mundo (cravo, órgão, clavicórdio e pianoforte). A sua experiência passa pela colaboração com instrumentistas, cantores e grupos célebres (entre os quais Jordi Savall, Paul O’Dette, Giuliano Carmignola, Paolo Pandolfo, Cecilia Bartoli, Philippe Jaroussky, Il Giardino Armonico, Freiburger Barockorchester), pela atividade de assistente de direção e maestro substituto em várias salas (Teatro Real de Madrid, Liceu de Barcelona), pela atividade didática (ESMuC Barcelona, cursos de música antiga de Urbino, Pamparato, San Feliu de Guixols, na Catalunha, e Barbaste, em França), pela composição, direção coral e direção de orquestra.
 
 
Informações úteis
 
Bilhetes à venda online e nas bilheteiras da Parques de Sintra, FNAC, Worten, El Corte Inglés, MEO Arena, Media Markt e Postos de Turismo de Sintra e Cascais. Este ciclo musical é para M/6 anos.
 
O projeto “Noites de Queluz – Tempestade e Galanterie”, com direção artística de Massimo Mazzeo, conta com o apoio da Direção Geral das Artes e das Pousadas de Portugal bem com a Antena 2 e a SIC Notícias como media partners.