Comboios em greve no feriado de 1 de Novembro

Comboios em greve no feriado de 1 de Novembro

A maioria dos comboios deve ser suprimida na próxima quinta-feira, dia feriado, devido à greve convocada por vários sindicatos, prevendo-se atrasos e supressões desde quarta-feira à tarde até sexta-feira de manhã, segundo a CP.

Numa nota aos clientes, a CP informou que, por motivo de greve convocada por diversas organizações sindicais, "se prevê que ocorram perturbações, com a supressão da maioria dos comboios no dia 1 de Novembro".

Os atrasos e supressões devem começar a sentir-se no final do dia de quarta-feira e prolongar-se até sexta-feira no período da manhã, em todos os serviços.

"A empresa desenvolveu todos os esforços para que seja cumprida a obrigação legal definida não tendo, ainda assim, garantida a sua plena realização", acrescenta a CP na nota aos utentes, referindo-se aos serviços mínimos determinados pelo Tribunal Arbitral nomeado pelo Conselho Económico e Social.

A greve ao trabalho em dia feriado nos comboios tem-se repetido desde as alterações introduzidas pela revisão ao Código do Trabalho, que contemplam uma redução de 50 por cento no valor pago pelo trabalho em dia feriado.