Chef Pepe Solla junta-se ao 'Peixe em Lisboa'

Chef Pepe Solla junta-se ao 'Peixe em Lisboa'

O galego Pepe Solla, chef de um restaurante com uma estrela Michelin, vai juntar-se aos convidados internacionais do festival gastronómico "Peixe em Lisboa", confessando-se um grande apreciador da "subtileza e elegância" dos produtos do mar.
O chef galego, que lidera o restaurante ‘Casa Solla' (Pontevedra), vai apresentar-se no auditório no dia 12 de abril, juntando-se assim a outros nomes conceituados da alta cozinha, como o francês Adrien Trouilloud, da escola de Alain Ducasse, o italiano Mauro Uliassi, do restaurante homónimo com duas estrelas Michelin, a brasileira Bella Masano e Virgilio Martinez, do Perú.
Em declarações à agência Lusa, Pepe Solla destacou o seu gosto pelo peixe e mariscos.
"Um cozinheiro, na verdade, cozinha como gosta de comer. A mim, agrada-me especialmente o peixe, pela sua subtileza e elegância, que é mais difícil encontrarmos nas carnes, que são intensidade e potência", afirmou.
O peixe sempre dominou a sua cozinha, até pela proximidade geográfica à costa atlântica, explicou.
Sobre a cozinha portuguesa, Pepe Solla identificou muitas semelhanças, principalmente quanto aos peixes, e elogiou a forma de cozinhar o bacalhau, mas também apontou que em muitos pratos tradicionais portugueses se nota "o espírito colonizador".
O galego confessou que, numa das suas visitas a Lisboa, descobriu um produto que desconhecia - coentros, "muito próprios da América do Sul" -, e que, ao início, até estranhou. "Depois fui-me acostumando e agora até aprecio", admitiu.
Se a base da cozinha tradicional portuguesa "é boa", agora falta "evoluir e continuar a trabalhar", considerou.
A organização adiantou à Lusa outras alterações no programa do festival gastronómico: o chef Henrique Sá Pessoa, que se prepara para abrir um novo espaço em Lisboa, não vai poder por isso participar como um dos dez restaurantes a servir refeições em permanência, entre as 12:00 e as 24:00, e será substituído pelo "Can The Can".
Nas apresentações, Vítor Matos, chef do "Largo do Paço" (Amarante, uma estrela Michelin), vai participar no dia 09. Da lista dos cozinheiros participantes saiu entretanto Leonel Pereira, que acaba de assumir a liderança do "São Gabriel" (Algarve, uma estrela Michelin).
O festival, que se realiza pelo sexto ano consecutivo, oferece degustações, apresentações gastronómicas, aulas com chefes, harmonizações entre pratos e vinhos e debates, no Pátio da Galé, Terreiro do Paço, entre os dias 04 e 14 de abril.