Cereja do Fundão inspira chefs de Lisboa

Cereja do Fundão inspira chefs de Lisboa

Durante três semanas, 15 prestigiados restaurantes da Grande Lisboa terão, disponíveis nas suas cartas propostas inspiradas neste fruto tão esperado durante todo o ano: a Cereja do Fundão. Até 6 de Julho, será um dois em um para os fãs das cerejas e das criações da cozinha de autor. 

Desde bebidas, entradas, pratos principais e sobremesas, os melhores Chefs de Lisboa envolvidos nesta iniciativa aceitaram o desafio, deram asas à imaginação e criaram verdadeiras experiências gastronómicas que prometem levar os comensais ao Fundão, sem saírem de Lisboa. Para além disso, será distribuída nestes restaurantes a Cereja do Fundão, enquanto fruto de excelência.

Rota Gastronómica da Cereja do Fundão está disponível nos seguintes restaurantes da Grande LisboaFortaleza do Guincho(Chef Vincent Farges - 1 Estrela Michelin), Eleven (Chef Joachim Koerper - 1 Estrela Michelin), Feitoria (Chef João Rodrigues - 1 Estrela Michelin),Tasca da Esquina (Chef Vitor Sobral / Chef Hugo Nascimento),Cervejaria da Esquina (Chef Vitor Sobral/ Chef Luis Espadana), Taberna das Flores (Chef André Magalhães), Chapitô à Mesa (Chef Bertílio Gomes), Cantina Ministerium (Chef Nuno Bergonse), O Largo (Chef Miguel Castro e Silva), De Castro (Chef Miguel Castro e Silva), O Talho(Chef Kiko Martins), Cantinho do Avillez (Chef José Avillez), Laurentina "O Rei do Bacalhau" (Chef Joana Byscaia), Prego da peixaria (Chef Luís Barradas) e Boi-Cavalo (Chefs Hugo Brito e Pedro Duarte).

Criatividade é o que não falta aos Chefs na hora de “colocar a cereja no topo do bolo”, que é como quem diz, “colocar a cereja no topo das suas criações”. O menu é variado e estes são alguns dos pratos que podem ser encontrados nos 15 restaurantes aderentes à Rota Gastronómica da Cereja do Fundão em Lisboa: o Chef Miguel Castro e Silva brinda os seus clientes com um “Crumble” de cereja do Fundão com seu coulis e Cereja do Fundão em calda de especiarias com gelado de limão e manjericão; o Chef José Avillez prepara um Gaspacho de cerejas do Fundão, requeijão, presunto e manjericão; o Chef Bertílio Gomescriou uma Salada de testículos de galo com cerejas e balsâmico, Pato confitado com foie gras, cerejas salteadas com amêndoas, Trilogia de cerejas, Cerejas gratinadas, Mousse de chocolate de leite com cerejas e ainda Sorvete de cereja; o Chef Kiko Martins prepara Cereja do Fundão em destaque no prato da semana juntamente com uma perna de galinha e um cous cous de amendôa, Escalope de foie com espuma de cereja e cebola confit em ginjinha e Floresta negra com cereja do Fundão; a Chef Joana Biscaya prepara um Mil-folhas de Cereja; já os Chefs Vítor Sobral e Hugo Nascimento querem deixar os seus clientes com curiosidade e preparam o menú “Fique nas mãos do Chef”, onde cada prato será uma surpresa.

Paulo Fernandes, presidente da Câmara Municipal do Fundão, realça a importância deste tipo de iniciativas, inseridas no contexto de promoção da região e do produto nacional: “A Cereja do Fundão é um produto de excelência e com um enorme potencial para ser trabalhada e apresentada sob diversas formas. É este o objetivo do desafio que lançámos aos Chefs. É desmistificar a cereja apenas como sobremesa, realçando o produto na alta gastronomia, fazendo-o brilhar em vários pratos”.

 

Em paralelo, decorre no Fundão, o Festival  Gastronómico “Fundão, Aqui come-se Bem – Sabores da Cereja”. Durante o mês de junho, 19 restaurantes e cinco pastelarias do Fundão recebem o Festival Gastronómico “Fundão, Aqui come-se bem – Sabores da cereja”, onde a cereja vai ser o produto em destaque.

Restaurantes aderentes: Alambique d’Ouro, As Tílias, Boguinhas, Cantinho dos Grelhados, Divino Lounge Bar, Dom Martin, Hermínia, Mário’s, O Mário, Marisqueira Bela Vista, Moagem d’Avó, O Barros, O Beiral, O Eclipse, O Parque, Sítio do Vale, o Fiado, O Lagarto e O Rochedo.

Na área da pastelaria, cinco pastelarias aderiram ao festival gastronómico: Arte e Doce, Flor do Fundão, Formiga, Fundanito e Paris.