CDU de Almada revela todos os nomes aos órgãos autárquicos

CDU de Almada revela todos os nomes aos órgãos autárquicos

“Honestidade, trabalho e competência” são o lema evocado pelo candidato da CDU à presidência da Câmara de Almada. Joaquim Judas é o novo candidato da coligação que gere o concelho há 39 anos, e promete seguir na mesma linha de trabalho de Maria Emília de Sousa, que atingiu o limite de mandatos.

Na apresentação dos candidatos aos órgãos autárquicos, num jantar que reuniu mais de 700 pessoas, Judas, actual presidente da Assembleia Municipal do Seixal, pediu o “reforço da CDU” nas eleições Autárquicas de 29 de Setembro. “Juntem-se a nós para dar continuidade ao projecto de desenvolvimento que a CDU tem realizado no concelho de Almada”.

Joaquim Judas que pretende reconquistar a maioria absoluta em Almada, perdida pela CDU nas Autárquicas de 2009, garante que vai dar novo folgo aos projectos iniciados por Maria Emília de Sousa – mandatária da sua candidatura –, e aproveitou para acusar o actual Governo de ter “bloqueado” algumas dessas propostas de desenvolvimento. Caso do Polis da Costa da Caparica e do Arco Ribeirinho Sul. Em contrapartida “contra a vontade da população e autarcas querem instalar um porto de contentores na Trafaria”.

O PS também não foi poupado nas críticas de Judas, que o aponta como um dos partidos do arco da governação responsável por terem sido “tirados mil milhões de euros às transferências para o poder local”. E voltava a elogiar a actual presidente da Câmara de Almada por, mesmo com este corte de verbas, ter conseguido “alargar a rede de educação, cultura, saúde, apoio social e desportiva”. E acrescentava: “vamos continuar a trabalhar com todas as instituições e a ouvir os almadenses. Almada pode estar confiante no futuro”.

Para a presidência da Assembleia Municipal de Almada, a CDU continua a apostar em José Manuel Maia, que garante, tal como Joaquim Judas, que o projecto da CDU em Almada “é para continuar”. E lembrando o passado, Maia referiu a cidade de Almada em 1973: “Quase sem saneamento e sem uma rede de abastecimento de água capaz”. Uma cidade “sem infra-estruturas públicas, com uma rede viária deficiente e património degradado”. Mas tudo mudou “com a CDU no poder local”. “Maria Emília de Sousa é o símbolo deste desenvolvimento. Temos orgulho na obra feita”.

Depois de ter cumprido sete mandatos, Maria Emília de Sousa, não pode recandidatar-se, mas continua a ser o centro das atenções dos projectos de Almada. Foi isso que se sentiu entre os militantes e apoiantes da CDU presentes na sala.

Também a mandatária de Judas lembrou o desenvolvimento de Almada nos últimos 39 anos de poder local. “Planeámos e construímos”, e garantiu que o novo candidato da CDU vai seguir pelo mesmo caminho. “Uma garantia de marca da CDU”, diz a actual presidente da Câmara, que reafirmou que “num país à beira do abismo, o poder local em Almada tem tudo pago a tempo e horas. Temos solidez financeira porque gerimos com enorme exigência.

E terminava a afirmar: “Mudo eu, fica o Joaquim Judas e toda uma equipa que dá segurança à população de Almada”.    

 

Candidatos da CDU à Câmara Municipal de Almada

Candidato à presidência da Câmara, Joaquim Judas, actual presidente da Assembleia Municipal do Seixal, que é secundado por José Gonçalves, presidente dos SMAS de Almada que mantém a posição na lista relativamente às Autárquicas de 2009. Amélia Pardal, vereadora do Planeamento do Território trocou de posição na lista com António Matos, vereador da Cultura e Desporto, agora quarto, enquanto Rui Jorge Martins, vereador responsável pela Mobilidade mantém o quinto lugar.

O sexto lugar efectivo passa a ser ocupado por Mara Figueiredo, actual presidente da Junta de Freguesia do Laranjeiro, substituindo Nuno Vitorino que passou para a lista de efectivos da Assembleia Municipal, que volta a ser liderada por José Manuel Maia. Nos onze lugares da lista de efectivos ao executivo camarário, seguem-se Maria do Carmo, Francisco Navarro, Ricardo Carneiro, Catarina Guerreiro e Alain Pereira.    

 

Candidatos da CDU a presidentes das Juntas de Freguesia

Para a Junta de Freguesia da Costa da Caparica a CDU aposta num novo nome, Álvaro Jorge, enquanto para as Freguesias de Laranjeiro / Feijó o cabeça de lista é Luís Palma que já faz parte do executivo do Laranjeiro. O mesmo acontece com a União de Freguesias da Charneca de Caparica / Sobreda que candidata Margarida Carvalho, membro do executivo da Sobreda.

Para a mega União de Freguesias Almada / Cova da Piedade / Cacilhas / Pragal o cabeça de lista é Ricardo Louçã, eleito nas últimas autárquicas como presidente da Junta da Cova da Piedade. Repetente também é a cabeça de lista das Freguesias de Caparica / Trafaria, Teresa Coelho, actualmente presidente da Freguesia da Caparica.