Castelo dos Mouros e Convento dos Capuchos reabrem ao público

Castelo dos Mouros e Convento dos Capuchos reabrem ao público
O Convento dos Capuchos e o Castelo dos Mouros reabriram ao público nesta quarta-feira, quatro dias após terem sido encerrados devido ao temporal que derrubou milhares de árvores na Serra de Sintra, disse fonte municipal.

Fonte da empresa pública Parques de Sintra Monte da Lua [que gere os monumentos de Sintra] adiantou à agência Lusa que os palácios da Pena e de Monserrate já estiveram ontem abertos ao público.
No entanto, mantém-se a restrição de acesso aos jardins destes monumentos, bastante afetados pela chuva e pelo vento forte de sábado passado.
Os quatro monumentos foram encerrados no sábado devido à queda de milhares de árvores nos caminhos e nos muros da Serra de Sintra. 
Na serra mantém-se as operações de limpeza de estradas e caminhos, trabalhos que os responsáveis da empresa consideram que vão demorar várias semanas.
A Parques de Sintra Monte da Lua organizou uma campanha de limpeza para voluntários, no sábado de 26 de janeiro.
O objetivo é limpar as áreas de parques e jardins, onde valetas precisam de ser desentupidas, ramos e folhas têm que ser varridas para que a normalidade regresse àquelas zonas, adiantou hoje a empresas.
O presidente da câmara de Sintra, Fernando Seara, considerou que o forte temporal de sábado é "a maior catástrofe dos últimos cinquenta anos" em Sintra.