Mercede-Benz SL 350: Um carro de sonho

Mercede-Benz SL 350: Um carro de sonho


Novo Mercedes-Benz SL 350: 306 cv a partir de 121 mil euros.
Ao entrar a bordo do novo Mercedes-Benz SL 350 a primeira frase que me veio à cabeça foi a do antigo seleccionador de futebol, José Torres. “Deixem-nos sonhar!!! ” disse ele, quando confrontado com um objectivo de vitória dado como impossível. Tal como a maioria dos que lêem este artigo, para mim, a aquisição do novo Mercedes-Benz SL 350 também não passa de um sonho proibitivo, desde logo pelos 121 mil euros anunciados como preço-base para este modelo, valor que facilmente chegará aos 138 mil euros da versão testada, que incluía toda a gama de equipamentos opcionais disponibilizados pela marca.
Mas, para quem pode, este é um sonho que vale a pena concretizar. De facto, o novo SL faz jus a uma tradição já com 60 anos e apresenta-se como expoente máximo em termos de classe, estilo, conforto e requinte. Estamos perante um ‘coupé’ de dois lugares que em cerca de 20 segundos transforma-se num ‘roadster’, com o tecto a ser recolhido na mala através de um mecanismo electro-hidráulico. E é no tecto transparente que encontramos uma das muitas inovações tecnológicas do SL: o “Magic Sky Control”. Com um simples toque num botão, conseguimos escurecer ou clarear esta janela panorâmica.
Mas as inovações não ficam por aqui. A mais significativa está relacionada com a carroçaria integralmente feita em alumínio (o que acontece pela primeira vez num modelo de série,) permitindo uma redução de peso na ordem dos 140 kg, face à geração anterior do SL, com ganhos na eficiência e na economia. E este é um facto valorizado até por quem compra um carro de 138 mil euros. Por isso, apesar de equipado com um imponente motor a gasolina V6 de 3,5 litros, com 306 cv, o novo SL não é guloso (6,8 l/100 km segundo a marca, 9,6 no teste feito pelo JR).
A tecnologia “BlueDirect”, associada à caixa automática 7G-Tronic (com três modos: ‘sport’, automático e manual com recurso a patilhas no volante) e a função “Eco start/ stop” também contribuem para baixar consumos, sem prejudicar o carácter dinâmico deste ‘roadster’, que acelera dos zero aos 100 km/h em apenas 5,9 segundos.
Mesmo a alta velocidade e de capota aberta, o conforto e bem-estar a bordo mantêm-se a nível bastante elevado. A aerodinâmica e o deflector traseiro evitam o turbilhão de barulho e vento habituais em modelos deste tipo.
Depois, há que contar com um interior espaçoso, de fácil acesso e recheado de luxos e mordomias para o condutor, com uma lista quase infindável de equipamentos, que tornam a condução agradável, fácil e muito segura. Deixamos-lhe apenas alguns exemplos: suspensão adaptável ao gosto e/ou tipo de condução (‘sport’ e ‘confort’), luzes inteligentes, limpa/lava vidros inteligente, abertura da mala apenas com o movimento do pé e ainda um sistema que com recurso a sensores ultra-sónicos consegue estacionar o SL sozinho. Há ainda acesso à Internet, GPS e som de alta-fidelidade, bancos aquecidos (incluindo na cabeceira), um sistema que detecta a fadiga do condutor aconselhando-o a parar e um outro que adapta a travagem para evitar colisões.
Paulo Parracho

Consulte dados do construtor em: jregiao-online.webnode.pt/products/mercedes-benz-sl-350-dados-do-construtor/
 

Mercede-Benz SL 350 Roadster