Carnaval de arromba em Malveira e Janes

Carnaval de arromba em Malveira e Janes

Acabou-se a tolerância de ponto, mas o Carnaval em Malveira da Serra e em Janes resiste à contenção económica e à crise social e promete muita animação já este domingo e na terça-feira.
A tradição do Carnaval, por aquelas terras, continua bem acesa. Mudam as gerações, mas o espírito continua e mantém uma tradição alimentada por várias famílias que, todos os anos, pelo menos dois meses antes do Carnaval, se empenham na construção de carros alegóricos, criação de fatos, coreografias e os temas que servem de base aos corsos.
A actualidade política, a crise económica e social, mas também muita imaginação, música e liberdade, é o que caracteriza o Carnaval em Malveira da Serra e em Janes. Duas localidades da freguesia de Alcabideche que, por carolice, dançam, tocam e oferecem a milhares de pessoas de Cascais e fora do concelho muita animação.
Sem desvendarem muito do que pode ser visto nos dias de Carnaval, na visita que o JR fez às oficinas de construção dos carros alegóricos, revelam que a chanceler alemã Angela Merkel, e o ministro Miguel Relvas não serão poupados, assim como a privatização da TAP e, claro, o primeiro-ministro Pedro Passos Coelho.
Os bailes na Sociedade da Malveira da Serra também são uma atracção. Hélder Gomes revela que no sábado à noite (22h00), vai decorrer o Baile do Baú (com os fatos dos outros Carnavais). No domingo, após o corso, está agendada uma matiné e concurso de danças. À noite (22h00), vai decorrer o baile "Quatro Estações". Na segunda-feira, é tempo do Baile do Terror (22h00) e na terça-feira, para encerrar, de matiné até às 21h00.
Os corsos saem para a rua às 15 horas de domingo e de terça-feira. O de Janes sai da Sociedade de Instrução e Recreio de Janes e Malveira e vai até ao largo de Janes, voltando depois para a Malveira até ao Entroncamento do Guincho onde se junta ao Corso da Malveira. O corso da Malveira da Serra parte do entroncamento do Guincho e vai até à Sociedade Familiar Recreativa, regressando depois ao entroncamento.