Campo público de golfe no Jamor vai abrir em breve

Campo público de golfe no Jamor vai abrir em breve

O secretário de Estado do Desporto, Alexandre Mestre, prometeu “para breve” a abertura do campo público de golfe do Jamor e a formalização do “modelo de gestão” daquela infraestrutura do Estádio Nacional, em Oeiras.

Alexandre Mestre falava durante inauguração do novo “Estúdio de Swing” do Centro Nacional de Formação de golfe do Estádio Nacional, na companhia dos presidentes da federação portuguesa, Manuel Agrellos, e do R&A St. Andrews, Rory Anna, que apoiou financeiramente a instalação.

O secretário de Estado, que deu as primeiras pancadas de golfe na nova instalação, referiu que esta vai permitir o “estudo científico” da componente de treino do golfe dos novos talentos nacionais e chamou a atenção para a necessidade de “desmistificar” a ideia de elitismo associado à modalidade.

O governante também se congratulou pela “lógica integradora” e “eclética” do Complexo do Jamor, “onde várias modalidades possuem os seus espaços”, e não se furtou a comentar a necessidade de reforço de verbas para a melhoria das instalações do Estádio Nacional.

“Estamos a trabalhar há algum tempo em aspectos relacionados com o saneamento e estrutura que envolvem largos milhares de euros. Diagnosticamos um milhão e seiscentos mil euros só para esses custos, que são essenciais para a saúde e segurança dos utentes e a maximização do espaço”, explicou.

Neste sentido, Alexandre Mestre admitiu a existência de problemas de esgotos e com algumas infraestruturas como as piscinas, mas sublinhou que o próximo Orçamento de Estado contempla “uma parte substancial das verbas necessárias para a requalificação do Jamor”.

O novo “Estúdio de Swing” é mais uma das valências do campo público de golfe do Jamor, que está ainda dotado de um “driving range” e de nove buracos e que ficará sob gestão da Federação Portuguesa de Golfe.

Manuel Agrellos garantiu que, neste momento, faltam apenas alguns trabalhos de consolidação dos “greens” e adiantou que espera a abertura definitiva da instalação para as próximas semanas, possivelmente ainda este ano.

O campo público de Jamor é uma velha aspiração da Federação Portuguesa de Golfe e a sua abertura foi já anunciada várias vezes, mas dificuldades com a garantia de financiamento dos últimos governos impediram a sua concretização.

Na inauguração estiveram, entre outras personalidades, o presidente do IPDJ (Instituto Português do Desporto e da Juventude), Augusto Baganha, presidente de outras federações desportivas, os profissionais de golfe Ricardo Santos e Tiago Cruz, o amador Pedro Figueiredo e a selecção nacional de "boys".