Câmara de Almada reduz taxa de IMI

Câmara de Almada reduz taxa de IMI

A Câmara Municipal de Almada vai reduzir o Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) para 2014, medida que vai resultar numa perda de receitas estimada em cerca de 530 mil euros.

“Em Almada, o Imposto Municipal sobre Imóveis 2014 vai baixar 2,5% em 2014. A taxa de IMI a aplicar aos prédios urbanos avaliados nos termos do CIMI (código do IMI) passa de 0,4% para 0,39%", refere a autarquia em comunicado.

A decisão foi tomada na reunião da Assembleia Municipal de Almada, na sequência de proposta da Câmara Municipal.

"A medida, que pretende aliviar o esforço das famílias numa altura de crise financeira e de grandes dificuldades económicas, vai traduzir-se em 2014 numa perda expectável de receitas municipais na ordem dos 530 mil euros em relação ao montante que previsivelmente se conseguiria arrecadar com uma taxa de 0,4%", explica o documento.

Para 2014, o IMI dos prédios rústicos mantém-se nos 0,8% e o dos prédios urbanos em 0,7%, enquanto na derrama - imposto que incide sobre o lucro das empresas - se vai manter a isenção para as empresas que apresentem um volume de faturação inferior a 150 mil euros anuais.