Bombeiros e autarquia garantem serviço de transporte adaptado em Cascais

Bombeiros e autarquia garantem serviço de transporte adaptado em Cascais

A Câmara Municipal de Cascais vai investir mais de 250.000 euros para, em parceria com as cinco Associações de Bombeiros concelhias, garantir o transporte adaptado a 100 munícipes com deficiência ou mobilidade condicionada.

Criado em 1991 pela autarquia para dar resposta às necessidades de transporte adaptado nas várias dimensões da vida social e profissional, o serviço de transporte adaptado de Cascais serve, atualmente, cerca de 100 munícipes de forma regular.

Exclusivo para residentes, crianças, jovens e adultos, com deficiência motora que se desloquem em cadeira de rodas, ou que se encontrem dependentes na mobilidade, fruto de deficiência, patologia física ou doença, este serviço pode ser usado em deslocações dentro e fora do concelho de e para a escola, centro de formação ou local de trabalho.

Pode também ser utilizado por quem frequenta instituições ou quer deslocar-se a serviços vários como Segurança Social, tribunal, instituições bancárias, e ainda para garantir as deslocações para locais onde decorram atividades terapêutico-desportivas.

O Transporte Adaptado é gratuito para frequentadores dos estabelecimentos escolares, ou apoio terapêutico enquadrado no seu plano individual dentro da escolaridade obrigatória, bem como todos os utilizadores pertencentes ao primeiro escalão do IRS. Os restantes utilizadores estão sujeitos ao pagamento de uma taxa simbólica variável em função dos rendimentos.

Em 2013, beneficiaram deste serviço 100 munícipes, 94 munícipes de uma forma regular e 6 de uma forma pontual.

No âmbito desta parceria, a Câmara Municipal de Cascais tem vindo a financiar a aquisição de viaturas por parte dos corpos de bombeiros de que é exemplo a aquisição de três viaturas adaptadas para cada Associação de Bombeiros num total de 590.000 euros ocorrida entre 2003 e 2012.