Bienal de Humor Luiz d’Oliveira Guimarães apresenta-se na Amadora

Bienal de Humor Luiz d’Oliveira Guimarães apresenta-se na Amadora
Até 17 de outubro, vai ser possível visitar, no Centro Nacional de Banda Desenhada e Imagem, na Amadora, a 4.ª Bienal de Humor Luiz d’Oliveira Guimarães, uma produção da Humorgrafe.
A Bienal é uma iniciativa da Humorgrafe, de Osvaldo Macedo de Sousa, com a Câmara Municipal de Penela e a Junta de Freguesia do Espinhal, criada em 2008 para homenagear Luiz d’Oliveira Guimarães (1900-1998), jurista, jornalista, dramaturgo, e ilustre humorista que integrou o Grupo dos Humoristas entre os anos de 1938-40.
Embora natural de Penela a sua atividade foi desenvolvida sobretudo em Lisboa, cidade onde viveu quase toda a sua vida. Por esse motivo as exposições produzidas no âmbito da Bienal apresentam-se nestas duas cidades.
Este ano, em que o tema é a “Liberdade”, e se comemoram os 40 anos do 25 de Abril, foi solicitado ao Centro Nacional da BD e Imagem da Amadora que acolhesse a exposição.