Associação Novamente lança movimento nacional

Associação Novamente lança movimento nacional
A Novamente, associação que apoia traumatizados crânio encefálicos e famílias, lançou hoje, no Hotel Altis Belém, o movimento #Tudo ao Contrário.
 
De 22 a 29 deste mês, a Novamente terá a decorrer uma acção de sensibilização e angariação de fundos, desafiando figuras públicas, associados e familiares a inverterem peças de roupa e fotografias nas redes sociais.
 
Juntam-se à iniciativa o Professor Doutor João Lobo Antunes; Fernando Santos, selecionador nacional de futebol; os atores Ricardo Carriço e Rui Santos; Dina Isabel, locutora das manhãs e diretora de programação da Rádio Renascença; Filipe Gaidão, ex-atleta de hóquei em patins; Pedro Couceiro, piloto; e o mentor do projecto Novamente, Luiz Godinho Lopes.
Existem 200 mil casos de traumatismo craniano em Portugal, metade dos quais são de vítimas de acidentes rodoviários, mas é cada vez maior o número de idosos vítimas de quedas graves. O traumatismo crânio-encefálico (TCE) é a maior causa de morte e incapacidade em jovens adultos de todo o mundo, sendo considerado como a epidemia silenciosa pela Organização Mundial de Saúde. A Associação Novamente aposta na sensibilização para uma melhor compreensão destes casos, pois um dos maiores danos que o TCE causa é a reintegração na vida social e ativa.
 
A Novamente nasceu a 8 Fevereiro de 2010 fruto das enormes dificuldades sentidas por um pai cujo filho sofreu um TCE. Um conjunto de fundadores começou por acreditar, fazendo nascer este projecto que representa já mais de 200.000 casos. Por ano a Novamente dá apoio de acompanhamento a mais de 6 centenas de famílias de TCE.